Terça-feira, 26 de Julho de 2005
5$00

BB-22-24 CCFL 265
 Perto da casa dos meus pais passava o autocarro 55. Certa vez, tinha eu uns nove anos, resolvi descobrir o percurso do 55. Pela minha mãe soubera já que o bilhete mais caro nos autocarros era 7$50. Como era bom em aritmética foi fácil calcular que precisaria de 15$00 para levar a cabo aquela aventura. Naquele tempo a carreira 55 ia da Picheleira a Alcântara-Mar.
 Assim que consegui juntar o dinheiro fui à Picheleira e apanhei o autocarro. É óbvio que subi para o andar de cima e fui tudo lá para a frente.
 O autocarro partiu e quando chegou ao Arco do Cego o pica-bilhetes e o motorista foram rendidos. Foi o novo pica quem acabou por ir lá acima cobrar o bilhete.
 - É para Alcântara, se faz favor - disse eu.
 - São 5$00 - respondeu. Admirei-me de não ser 7$50, mas paguei e não disse nada.
 Em Alcântara-Mar nem saí do autocarro. Mirei o lugar desde lá dentro pois estava ansioso por regressar. A minha mãe não sabia de mim (se lhe tenho pedido não me deixava ir). O 55 partiu, finalmente, quase sem ninguém. Não tardou que o cobrador viesse outra vez e perguntasse:
 - Faz favor de dizer!?
 - É um de cinco - respondi. Se fora 5$00 para cá, havia de ser 5$00 para lá, pensei.
 Cheguei à Picheleira sem problemas e ainda com 5$00 no bolso. Em casa a minha mãe quis saber por onde andara. Como ela fazia má cara ao que ouvia eu disse que tinha sido só 10$00, para ver se me safava do pior. Ela afinal não me bateu...
 Mas tirou-me o dinheiro.

5$00 7$50
 Os bilhetes ficaram para colecção (com o de 7$50 por picar).



Escrito com Bic Laranja às 07:53
Verbete | Comentar

8 Comentários:
De Bic Laranja a 28 de Julho de 2005 às 13:06
E resultou na sorte que tive em não apanhar da minha mãe! Cumpts.


De Afonso Henriques a 27 de Julho de 2005 às 21:32

colecção com capicua e tudo...


De Bic Laranja a 26 de Julho de 2005 às 10:24
Devia estar de férias. E acho que gostava de vadiar. Em calhando, hei-de cá pôr mais algumas histórias.


De mocho a 26 de Julho de 2005 às 02:41
Que nostalgia!!! Não me lembro do preço exacto dos bilhetes da minha memória mas lembro-me muito bem do grafismo deles e da cartolina dura com que eram feitos e do "pica". Como tudo mudou desde então, não foi? Mas o que é que andavas a fazer com 9 anos sózinho? Que curioso!!!


De Jorge Miranda a 23 de Outubro de 2013 às 16:16
Esta história aplica-se100% à minha pessoa? Morava na Barão de Sabrosa 266 e tenho agora 52 anos.


De Bic Laranja a 28 de Outubro de 2013 às 17:05
E também foi a Alcântara-Mar por 5$00?
Cumpts.


De Jorge Miranda a 29 de Outubro de 2013 às 03:29
Acho que até por menos.... Mas não tenho a certeza!


De Bic Laranja a 29 de Outubro de 2013 às 21:40
Por menos, acredito. Eu sou mais novo. Aventurei-me na descoberta mais tarde, decerto, e a inflação há-de ter feito a sua mossa.
Cumpts. :)


Comentar

Junho 2017
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9

13
15
17

18
19
20
21
24

27
28
29
30


Visitante

Contador
Selo de garantia
Pesquisar
 
Ligações

Adamastor (O)
Apartado 53
Arquivo Digital 7cv
Bic Cristal
Blog[o] de Cheiros
Caminhos de Ferro Vale Fumaça
Carmo e a Trindade (O)
Chove
Cidade Surpreendente (A)
Corta-Fitas(pub)
Delito de Opinião
Dragoscópio
Eléctricos
Espectador Portuguez (O)
Estado Sentido
Eternas Saudades do Futuro
Fadocravo
Firefox contra o Acordo Ortográfico
H Gasolim Ultramarino
Ilustração Portuguesa
Lisboa
Lisboa de Antigamente
Lisboa Desaparecida
Menina Marota
Mercado de Bem-Fica
Meu Bazar de Ideias
Paixão por Lisboa
Pena e Espada(pub)
Pequena Alface (Da)
Perspectivas(pub)
Pombalinho
Porta da Loja
Porto e não só (Do)
Portugal em Postais Antigos(pub)
Retalhos de Bem-Fica
Restos de Colecção
Rio das Maçãs(pub)
Ruas de Lisboa com Alguma História
Ruinarte(pub)
Santa Nostalgia
Terra das Vacas (Na)
Ultramar

Arquivo

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

Junho 2006

Maio 2006

Abril 2006

Março 2006

Fevereiro 2006

Janeiro 2006

Dezembro 2005

Novembro 2005

Outubro 2005

Setembro 2005

Agosto 2005

Julho 2005

Junho 2005

Maio 2005

Abril 2005

RSS
----