24 Comentários:
De Bic Laranja a 20 de Fevereiro de 2007 às 21:25
A Tonicha cantou com muito sentimento. Tal como o Ary dos Santos punha na declamação. Obrigado pela visita Isa!


De isa a 20 de Fevereiro de 2007 às 20:47
gostei muito de ouvir...a voz fresca da Tonicha,e de ler o poema do nosso grande letrista Ze Carlos Ary dos Santos,que também era excelente a dizer poesia...Por acaso tive algumas oportunidades de o ver e ouvir,saudades
isa


De Marco Oliveira a 16 de Fevereiro de 2007 às 23:02
Houve tempos em que o Festival da Canção era um evento cultural de grande importância nacional.
Em casa dos meus pais havia sempre programa nestas datas; juntavam-se amigos e familiares para assistir a este momento.
Eram outros tempos.


De Bic Laranja a 16 de Fevereiro de 2007 às 20:48
Manuel: E ver as coisas baterem certo dá mais emoção (se é que a nutre pela cançoneta). // T.: Era um acontecimento e pêras. // Pois é Luar: http://www.youtube.com/watch?v=bn_qfCazr4s . // Cumpts.


De luar a 16 de Fevereiro de 2007 às 13:33
até que era divertido!!!! Agora lembrei-me da Simone e da Desfolhada e as Doce que pareciam os 3 mosqueteiros e as Cocktail com a minha querida amiga Maria Viana (que se tornou uma cantora de Jazz de primeira), ai, ai....


De T a 16 de Fevereiro de 2007 às 03:54
E nessa época o pais parava para assistir ao festival:)


De Manuel a 15 de Fevereiro de 2007 às 23:02
Já fui ver ao meu calendário perpétuo. O Domingo de Ramos de 1971 foi a 4 de Abril. E este Eurofestival na noite de 3 de Abril. Bate, portanto, choco. :) E estava na Guarda, pois. Abraço


De Bic Laranja a 15 de Fevereiro de 2007 às 21:08
T.: Foi então matar saudades!... :) // Manuel: Esta cançoneta traz-me imensas, de menino, amalgamadas. Tivesse eu engenho de as passar a letra de imprensa... // Marta: A 'Tourada' ficou muito na memória, mas nenhuma bate esta. Na minha opinião, claro. // Cumpts.


De marta a 15 de Fevereiro de 2007 às 17:23
Também me lembro tão bem.
A Tourada um verdadeiro espectáculo.
E as saudades do Ary dos Santos.


De Manuel a 15 de Fevereiro de 2007 às 14:11
Associo essa canção à cidade da Guarda e a um Domingo de Ramos. Abraço


Comentar