12 comentários:
De Bic Laranja a 14 de Outubro de 2006
Caiê, Pug e Intemporal: a vantagem desta ligeira interrupção foi poder ler-se com calma e paciência a peregrinação ao Martim Moniz. Continuamos já de seguida. // Tron: reminiscências da velha Mouraria. // Borboleta: ora cá está! O erro é associar riqueza e pobreza à felicidade. // Pedro Costa: obrigado pela visita e pelas suas generosas palavras. // Cumpts. a todos vós.
De Bic Laranja a 14 de Outubro de 2006
Caro Paulo, os dois andares acima do arco eram divisões do prédio na rua que vinha do Poço do Borratém; as casas eram dos condes de Tarouca. Não me parece que dessem serventia ao palácio do marquês do Alegrete. Cumpts. // Je Mantiendrai: deu-me ideia que seria esta do Gameiro que tinha em mente. Quanto ao mais que me conta confesso a minha ignorância sobre o senhor (da família dos condes de Tarouca?); sobre a biblioteca dos marqueses do Alegrete descobri isto: http://www.arqnet.pt/dicionario/alegretelivraria.html (http://www.arqnet.pt/dicionario/alegretelivraria.html) . Cumpts. // Meu caro ZM: louvo a tua atenção sobre paradoxal incursão no futuro. No mais, rogo a tua benevolência. Calhando agora, se há-de compor alguma coisa. Um abraço. // Logo responderei aos restantes recados, que já é tarde e o cansaço pesa. Cumpts. a todos e obrigado pela paciência.
De tron a 11 de Outubro de 2006
caro amigo passa no meu blog porque tenho algo relacionado com essa zona e que tu vais gostar de comentar
De Pedro Costa a 11 de Outubro de 2006
Cheguei a este blog por mero acaso.
Fiquei deliciado! Parabéns!
Vou voltar, muitas vezes.
De tron a 11 de Outubro de 2006
na monarquia talvez os pobres fossem menos pobres do que são na actaul republica
De Butterfly a 10 de Outubro de 2006
Felizes os pobres de espírito... há qualquer coisa que ruma assim... neste caso, aventuro-me a dizer que estes pobres também o pareciam, felizes, claro!

Beijinhos!
De tron a 8 de Outubro de 2006
Agra essse arco nem existe só exitindo aí professionais do sexo que vão completar serviços para a pensão monte puez
De Intemporal a 6 de Outubro de 2006
Prossigo nesta "viagem" entusiasmadíssima, não a interrompas , por favor! Becitos
De Caiê e Pug a 4 de Outubro de 2006
Não pares a viagem agora! minhauuuu
De ZM a 2 de Outubro de 2006
Pergunto ao amigo e ausente confrade: ao escrever hoje assumindo que o faz a 3 de Outubro, pretende o caríssimo ir ao futuro para falar do passado?

Sauda-o com um abraço quem já lhe tem saudade noutras andanças.

Comentar