7 comentários:
De Bic Laranja a 6 de Dezembro de 2005
Não é fascinante o que não conhecemos?!... Cumpts.
De eu34 a 6 de Dezembro de 2005
Ai que saudades que me ensinas a ter de algo que não conheci!!! Fica bem,
De Bic Laranja a 4 de Dezembro de 2005
O ritmo da mudança acelera-se a cada dia, D. Mocho. Mas muda-se muita coisa por mero negócio, invocando-se todavia o progresso (coisa insolente de dirzer-se). Cumpts. a ambos.
De Insolente a 4 de Dezembro de 2005
uma bela capital ninguem tira a este país... verdade seja dita... ha que preservar no decorrer do progresso... ora entao um grande bem haja
De Mocho a 4 de Dezembro de 2005
Meu Deus, tu mostras fotografias que me põem o bico aberto e os olhos ainda mais arredondados...eu posso ser engenheira de materiais (que piadinha...) mas tu não serás conservador na Torre do Tombo ou não serás historiador na Biblioteca Nacional ou no Instituto português do Livro??? Jásei, jásei, são da CML (hum....tou a ver). Agora a sério, olhar para esta e outras fotografias que nos tens mostrado fazem-nos pensar...afinal, cada geração tem tido um papel extremamente relevante no desenvolvimento do nosso espaço, não é? Parece que nada muda e, no entanto, todos os dias se assistem a mudanças tão grandes. PIU!
De Bic Laranja a 4 de Dezembro de 2005
O arco era a antiga porta de S. Vicente da Mouraria da cerca fernandina. Cumpts.
De Luar a 4 de Dezembro de 2005
Que foto tão gira, nunca me terial passado tal imagem pela cabeça. Gosto do eléctrico a espreitar e dos carris no centro...

Comentar