Quinta-feira, 13 de Maio de 2010

E por falar em comboios

Linha do Corgo, Régua (R.M.Sousa, 1978)
In Postais Ilustrados, por sugestão de Middlemay

Linha do Corgo, Régua, 1978.
Rui Morais de Sousa, in «Os anos da Minolta; a Linha do Corgo, Norte de Portugal, 1978.»

Escrito com Bic Laranja às 21:33
Verbete | comentar | comentários (2)
Terça-feira, 11 de Maio de 2010

Bucólicas, ou ainda o tal atraso...

« Um T.G.V. que pára no meio de nada é um conceito zen admirável: o viajante, estonteado dos 300km/h, pára no meio da poeira e dos grilos e aí recobra o ritmo telúrico da jorna, à torreira do Sol. Que importa Lisboa, lá longe, se já se pressentem as toadas da ceifa e da debulha? »
O Jansenista, Sonhei com o Poceirão, 10/V/2010.

Poceirão - (c) 2008
Poceirão - (c) 2008.
Escrito com Bic Laranja às 22:52
Verbete | comentar | comentários (14)

Do atraso mental

Em jubilosa associação com as chaves da cidade do edil Costa, lá apareceram uns matraquilhos oferecendo as suas fancarias ao Papa. Com publicidade e tudo...

Atrasados...
(Imagem da S.I.C..)

Escrito com Bic Laranja às 22:24
Verbete | comentar | comentários (16)

Do fervor religioso

Esfera armilar, símbolo universal de D. Manuel I (faiança do séc. XVI)

 

 Há gente que não tem grande sentido das coisas.
 Andam aí uns fervorosos da República e Laicidade assanhados com a Carris por causa dos autocarros engalanados com bandeirinhas do Vaticano. Queixaram-se já ao ministro dos transportes porque é propaganda religiosa, dizem. Cuido que não tenham ainda dado conta das cruzes bem à vista nas torres das igrejas, que muitas são edifícios públicos. - Cá está como não têm sentido das coisas.
 Já de manhã ouvira que tinham implicado porque a divulgação do programa da visita do Papa na página do Ministério dos Estrangeiros também é, dizem, propaganda religiosa. E grasnam que o Estado é laico.
 Santo Deus! Ou o fervor lá daquela espécie de religião que seguem os cega, ou é o entendimento que lhes não dá para mais. Vá lá alguém lembrar-lhes que o Estado que querem laico são os portugueses. E como os portugueses são da religião que forem - ou nem sendo de religião nenhuma -, o (pre)conceito de Estado laico resume-se tão só a cada um seguir a confissão que lhes motiva a sua fé ou a sua identidade. Isto independentemente de toda a propaganda da República e da laicidade.
 Pena é que a imprensa, qual num reflexo condicionado, acabe enfileirando pela rudeza, dando voz a tolinhos, a par do noticiário sério da visita do Papa. É uma desconsideração de que os jornalistas haviam de ter vergonha.


(Imagem: Esfera Armilar, símbolo universal de D. Manuel I.)

Escrito com Bic Laranja às 17:30
Verbete | comentar | comentários (15)
Domingo, 9 de Maio de 2010

CI-14-07

 Pois é! O mundo dá muita volta e o autocarro que fazia a carreira do aeroporto naquela imagem que julgo ser de 1948, tinha ele esta apresentação assim como vedes, em Mira, perdido nuns canaviais, em 27 de Setembro de 1991. Aprendo na legenda que se trata dum AEC Regal III com carroçaria original Weymann, construído em 1948. Recebeu originalmente o nº 43 da frota da Carris.
 Em Novembro de 1970 foi-lhe refeita a carroçaria e recebeu o nº 112. Nesta qualidade ainda andei nele, no 13 ou no 20, que eram as carreiras em que a Carris usava carros AEC de 1 piso. Era dos poucos (série 111-120?) autocarros de 1 piso que tinham bancos duplos. Os restantes adoptaram já nos anos 70 um conceito que fez escola: coxias amplas e uma manhosa meia dúzia de bancos individuais, que é o modo inteligente de transportar mais sardinha em lata...
 Adiante. Em Novembro de 87 foi vendido a José Maria dos Santos e passou a ser o 453 da AVIC de Coimbra. Ao depois foi isto. E depois disto, a sucata, talvez.

AVIC 453, ex-CCFL 112, ex-CCFL 43, Mira (S. Miles, 1991)
AEC Regal III (AVIC 453, ex-CCFL 112, ex-CCFL 43), Mira, 1991.
Fotografia: Steve Miles, in AEC Society Webshots.

Escrito com Bic Laranja às 23:40
Verbete | comentar | comentários (15)

Metropolitano de Lisboa anuncia Bic

Metropolitano de Lisboa, Portugal (H. Novais, c. 1960)
Metroplitano de Lisboa, Saldanha, c. 1960.
Fotografia: Estúdio de Horácio de Novais, in Biblioteca de Arte da F.C.G..

Escrito com Bic Laranja às 22:39
Verbete | comentar

M. Bombarda, Alvalade, Aeroporto

 Quando certa vez me disseram (acho que foi o meu irmão) que os autocarros da Carris mais antigos não eram os de dois pisos admirei-me. E não sei porquê, custou-me a crer. Mas assim é, de feito.
 A partir das bandeiras M. Bombarda, Alvalade, Aeroporto creio que a fotografia é dos primeiros tempos do serviço de autocarros da Carris. As primeiras carreiras - 1, 2, 3 e 4 - partiam justamente dos Restauradores com os destinos Miguel Bombarda e Aeroporto. O de Alvalade cuido que era um dos desdobramentos do 1, que mais tarde deu origem ao 21 (cf. o leitor interessado "1: Palavras para quê?", "2: A carreira que o tempo esqueceu" e "3 e 4: A primeira (e última) circulação", in Cruz Filipe, História das carreiras da Carris).
 Sobra um problema: as matrículas dos dois autocarros mais atrás são de 1948 e as carreiras da Miguel Bombarda e do Aeroporto deixaram de ter término nos Restauradores em Novembro de 47...


Restauradores, Lisboa (H. Novais, c. 1948)
Terminus de autocarros, Restauradores, c. 1948.
Fotografia original: Estúdio de Horácio de Novais, in Biblioteca de Arte da F.C.G..

Escrito com Bic Laranja às 19:21
Verbete | comentar | comentários (2)
Sábado, 8 de Maio de 2010

Gémeos

 Por uma daquelas razões que talvez algumas ciências ocultas expliquem, este blogo gerou verbetes monozigóticos às 7h45 desta manhã.
 Estão ambos vivos e bem de saúde.

Gémeos. Só a mãe os distinguia (Universal, 1988)
Gémeos. Só a mãe os distinguia, Universal, 1988.
Imagem: IMDb.

Escrito com Bic Laranja às 12:00
Verbete | comentar | comentários (2)

Diz então que...

 O Zé cara linda, construiu ciclovias...

Av. do Brasil, Lisboa - (c) 2009
Avenida do Brasil, Lisboa, 2009.

Escrito com Bic Laranja às 07:45
Verbete | comentar | comentários (11)

Diz então que...

 O Zé cara linda, construiu ciclovias...

Av. do Brasil, Lisboa - (c) 2009
Avenida do Brasil, Lisboa, 2009.

Escrito com Bic Laranja às 07:45
Verbete | comentar | comentários (8)
Sexta-feira, 7 de Maio de 2010

A mania do disparate

 Nesta era superlativa as minhoquices mais simples tomam uma desproporção e um descaminho tais que chega a fazer aflição.
 Sobre o deputado dos dedos leves apregoam já uns aos sete ventos que "ai a liberdade de imprensa!" e que violou a sagrada Constituição; outros gemem que, coitadinho, os jornalistas são umas pestes e estavam a judiar com o pobrezinho (admira-me como ainda não chamaram para aqui o bullying).
 Ora as coisas são o que são e nada mais: um fulano, sem autorização, meteu ao bolso o que lhe não pertencia; merece 3 anos de cadeia, diz o Código Penal. Dúvidas só tenho se um apregoado 'fiel depositário' não será ele um receptador. O juiz que decida.
 Quanto ao mais, parecem zaragateiras na praça.

F.A.F. da Silva Ferrão, Theoria do Direito Penal, Lisboa, Typ. Universal, 1856-57
F. A. F. da Silva Ferrão, Theoria do direito penal applicada ao codigo penal portuguez comparado com o codigo do Brazil, leis patrias, codigos e leis criminaes dos povos antigos e modernos, Lisboa, Typ. Universal, 1856-1857.

Escrito com Bic Laranja às 16:50
Verbete | comentar | comentários (4)

Belle époque

Senhoras no Chiado, Lisboa (Espólio de E. Portugal, s.d.)
Senhoras passeando no Chiado, Lisboa, [s.d.].
Espólio de Eduardo Portugal, in Arquivo Fotográfico da C.M.L.

Escrito com Bic Laranja às 00:05
Verbete | comentar | comentários (6)
Quinta-feira, 6 de Maio de 2010

Bic. Série Cristal

Família de patos, Alte - (c) 2006

Escrito com Bic Laranja às 00:04
Verbete | comentar | comentários (12)
Quarta-feira, 5 de Maio de 2010

Belas-artes

Se eu soubesse desenhar também pintaria assim.

Belas-artes
(Postal-convite recebido por correio.)

Escrito com Bic Laranja às 18:32
Verbete | comentar | comentários (12)
Domingo, 2 de Maio de 2010

Bic editor de postais

Ermida, Castro Daire - (c) 2006

Ermida, Castro Daire - (c) 2006

Escrito com Bic Laranja às 00:05
Verbete | comentar | comentários (7)
Sábado, 1 de Maio de 2010

Observatório do 1º de Maio

À janela, Lisboa - (c) 2010

Lisboa - (c) 2010

Escrito com Bic Laranja às 22:10
Verbete | comentar | comentários (4)

Em dia de palavras de ordem...


Tears For Fears, Shout
(Night of the Proms, Antuérpia, 2006.)

Escrito com Bic Laranja às 12:15
Verbete | comentar

Setembro 2020

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
12
13
17
19
21
23
24
25
26
27
28
29
30

Visitante


Contador

Selo de garantia

pesquisar

Ligações

Adamastor (O)
Apartado 53
Arquivo Digital 7cv
Bic Cristal
Blog[o] de Cheiros
Carmo e a Trindade (O)
Chove
Cidade Surpreendente (A)
Corta-Fitas(pub)
Delito de Opinião
Dragoscópio
Eléctricos
Espectador Portuguez (O)
Estado Sentido
Eternas Saudades do Futuro
Fadocravo
Firefox contra o Acordo Ortográfico
H Gasolim Ultramarino
Ilustração Portuguesa
Lisboa
Lisboa de Antigamente
Lisboa Desaparecida
Menina Marota
Mercado de Bem-Fica
Meu Bazar de Ideias
Paixão por Lisboa
Pena e Espada(pub)
Perspectivas(pub)
Pombalinho
Porta da Loja
Porto e não só (Do)
Portugal em Postais Antigos(pub)
Retalhos de Bem-Fica
Restos de Colecção
Rio das Maçãs(pub)
Ruas de Lisboa com Alguma História
Ruinarte(pub)
Santa Nostalgia
Terra das Vacas (Na)
Tradicionalista (O)
Ultramar

arquivo

Setembro 2020

Agosto 2020

Julho 2020

Junho 2020

Maio 2020

Abril 2020

Março 2020

Fevereiro 2020

Janeiro 2020

Dezembro 2019

Novembro 2019

Outubro 2019

Setembro 2019

Agosto 2019

Julho 2019

Junho 2019

Maio 2019

Abril 2019

Março 2019

Fevereiro 2019

Janeiro 2019

Dezembro 2018

Novembro 2018

Outubro 2018

Setembro 2018

Agosto 2018

Julho 2018

Junho 2018

Maio 2018

Abril 2018

Março 2018

Fevereiro 2018

Janeiro 2018

Dezembro 2017

Novembro 2017

Outubro 2017

Setembro 2017

Agosto 2017

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

Junho 2006

Maio 2006

Abril 2006

Março 2006

Fevereiro 2006

Janeiro 2006

Dezembro 2005

Novembro 2005

Outubro 2005

Setembro 2005

Agosto 2005

Julho 2005

Junho 2005

Maio 2005

Abril 2005

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

____