Domingo, 2 de Março de 2008

A Fábrica de Lanifícios de Arroios

 Mais ou menos onde desmboca a Rua Marques da Silva, que desce da Penha de França.  Esta fábrica ficava por alturas do n.º 91-95. O que vedes prolongava um corpo de edifícios de aspecto industrial que começava, salvo erro, pelo n.º 83 ou 85. Tinham uma típica chaminé de tijolo, boa para as cegonhas fazerem ninho. Aqui nesta não se vê...

Fábrica de Lanifícios de Arroios, Lisboa [fins do séc. XIX](Arquivo Fotográfico da C.M.L., A1304)
Fábrica de Lanifícios de Arroios, Lisboa, [fins do séc. XIX].
Fotografia in Arquivo Fotográfico da C.M.L..

Escrito com Bic Laranja às 11:30
Verbete | comentar
11 comentários:
De Viktor a 2 de Março de 2008
Muito gira a foto.
Nessa altura não havia problemas de trânsito e estacionamento...lol
É sempre bom relembrar o que foi o nosso país e a nossa cultura.
NAMASTÉ.
De Bic Laranja a 3 de Março de 2008
Namasté? Cumpts.
De Viktor a 4 de Março de 2008
Namastê ou Namaskar (नमस्ते [nʌmʌsˈteː] em Hindi, do Sânscrito (sandhi interno de namaḥ te)) é uma saudação usado no sul asiático, da mesma forma como "olá" ou "adeus" seriam usados em português. O significado, porém, é diferente.

Em sânscrito, na reflete uma simples negação. Ma- refere-se ao ego. Portanto, nama- significa "obediência, saudação reverencial, adoração ao seu eu interior", mas não ao seu ego. Te é o dativo do pronome pessoal tvam, "tu". Uma tradução poderia ser: "uma saudação reverencial ao seu eu interior", ou "o deus que há em mim saúda o deus que há em ti".

A saudação é normalmente acompanhada por um gesto de reverência, com as palmas das mãos se tocando, na frente do peito.

É o encerramento onde você agradece ao outro pelos momentos vividos. Você junta as mãos e, olhando nos olhos do outro, diz NAMASTÊ, fazendo uma pequena flexão e, depois, abraça.

NAMASTÊ significa "O DIVINO EM MIM SAÚDA O DIVINO EM VOCÊ".
De Bic Laranja a 6 de Março de 2008
Grato pelo esclarecimento. Namastê!
De O Réprobo a 2 de Março de 2008
Mas vê-se uma criada em grande uniforme, o que indicia vizinhança importante. Tem o Amigo Bicodeoa?
Abraço
De O Réprobo a 2 de Março de 2008
Apre, perguntava se tem ideia?
De Bic Laranja a 3 de Março de 2008
Nas avenidas era mais, mas havia alguma burguesia, sim. Republicana. Cumpts.
De T a 2 de Março de 2008
Ai meu Deus..Voltaram os caracteres:)
E claríssimos!
Até me esqueço do que ia comentar. Quer dizer senhor Bic, que tenho que lhe mudar o endereço lá no Dias. Veja se descortina o modelo do Fiat que lá está, cumprimentos:)
De Bic Laranja a 3 de Março de 2008
Missão cumprida (creio). Tirei-os já (até ver). Cumpts.
De Júlia a 6 de Março de 2008
faz-me lembrar a antiga Efanor (que o Belmiro destruiu) cá em Matosinhos, só que era muito mais linda, e tinha o mais lindo jardim !
De Bic Laranja a 25 de Abril de 2009
O Belmiro dá cabo de muita coisa.
Cumpts.

Comentar

Junho 2020

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

Visitante


Contador

Selo de garantia

pesquisar

Ligações

Adamastor (O)
Apartado 53
Arquivo Digital 7cv
Bic Cristal
Blog[o] de Cheiros
Carmo e a Trindade (O)
Chove
Cidade Surpreendente (A)
Corta-Fitas(pub)
Delito de Opinião
Dragoscópio
Eléctricos
Espectador Portuguez (O)
Estado Sentido
Eternas Saudades do Futuro
Fadocravo
Firefox contra o Acordo Ortográfico
H Gasolim Ultramarino
Ilustração Portuguesa
Lisboa
Lisboa de Antigamente
Lisboa Desaparecida
Menina Marota
Mercado de Bem-Fica
Meu Bazar de Ideias
Paixão por Lisboa
Pena e Espada(pub)
Perspectivas(pub)
Pombalinho
Porta da Loja
Porto e não só (Do)
Portugal em Postais Antigos(pub)
Retalhos de Bem-Fica
Restos de Colecção
Rio das Maçãs(pub)
Ruas de Lisboa com Alguma História
Ruinarte(pub)
Santa Nostalgia
Terra das Vacas (Na)
Tradicionalista (O)
Ultramar

arquivo

Junho 2020

Maio 2020

Abril 2020

Março 2020

Fevereiro 2020

Janeiro 2020

Dezembro 2019

Novembro 2019

Outubro 2019

Setembro 2019

Agosto 2019

Julho 2019

Junho 2019

Maio 2019

Abril 2019

Março 2019

Fevereiro 2019

Janeiro 2019

Dezembro 2018

Novembro 2018

Outubro 2018

Setembro 2018

Agosto 2018

Julho 2018

Junho 2018

Maio 2018

Abril 2018

Março 2018

Fevereiro 2018

Janeiro 2018

Dezembro 2017

Novembro 2017

Outubro 2017

Setembro 2017

Agosto 2017

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

Junho 2006

Maio 2006

Abril 2006

Março 2006

Fevereiro 2006

Janeiro 2006

Dezembro 2005

Novembro 2005

Outubro 2005

Setembro 2005

Agosto 2005

Julho 2005

Junho 2005

Maio 2005

Abril 2005

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

____