17 comentários:
De Ana Caracol a 23 de Dezembro de 2008
Caro Bic
É por essas e por outras (por o natal ter perdido já tantas características que o tornavam realmente especial) que eu fotografo e amplio o meu próprio postal de natal. Passo um ano à procura da Tal imagem, aquela que fará sentido quando o envelope for aberto. Ao menos os meus amigos e familiares ficam com a certeza que não recebem um equívoco de natal!
Cumps e um excelente Natal para si e para os seus
Ana
De Bic Laranja a 23 de Dezembro de 2008
Já me lembrei de mandar imprimir qualquer coisa também. Mas ainda não foi desta.
Obrigado e feliz Natal!
De Carlos Portugal a 23 de Dezembro de 2008
Tem toda a razão! Nem o Natal são os presentes, Caro Bic; quando muito, seriam em Dia de Reis. Esta gente, com a ganância ímpia dos «mercados», aproveitou os costumes das festas pagãs das saturnais romanas, agitou e misturou tudo, sempre em nome do «good business»...

Assim, paulatinamente, vão tentando eliminar o verdadeiro significado do Nascimento de Cristo, pois «desvia» as pessoas do consumismo desenfreado que eles desejam, virando-as para Horizontes bem mais luminosos.

Quanto à Árvore, não me oponho, desde que acessória. Só que a lenda da Yggradsil nórdica, que crescia iluminada pelos seus frutos sobre o Pólo Norte, símbolo da Luz na Noite Ártica, descambou em mais mercantilismo bacôco, ainda por cima conjugada com um Pai Natal decalcado dos anúncios da Coca-Cola. Pobre grande Rei do Norte, tão vilipendiado também ele!

De qualquer modo, um Santo Natal para si e para os Seus!
De Bic Laranja a 23 de Dezembro de 2008
Parece que há um propósito, não é?
Feliz Natal também para si e para os seus!
Obrigado!
De Luciana a 23 de Dezembro de 2008
Confesso que não resisto a uma bela árvore de Natal. Em pequena era das coisas que mais me fascinava e ficou-me daí o encantamento. Tudo o resto – tirando o presépio - dispenso.

Um Feliz Natal, Sr. Carlos Portugal!

Abraço
De Carlos Portugal a 24 de Dezembro de 2008
Um Feliz e Santo Natal também para Si, Cara Luciana!
De Once a 23 de Dezembro de 2008
uma constatação partilhada por aqui Caro Bic .. nos últimos anos tenho optado pelo clássico da Unicef ..

:) Desejo-lhe um Feliz Natal
De Bic Laranja a 23 de Dezembro de 2008
Grato pela sugestão!
Feliz Natal lá no paradisíaco!...
:)
De Luciana a 23 de Dezembro de 2008
Idem!

Abraço
De Luciana a 23 de Dezembro de 2008
Tem toda a razão. Os ursinhos então...

Feliz Natal! Tudo de bom!

Abraço
De Bic Laranja a 23 de Dezembro de 2008
Obrigado! Feliz Natal! :)
De José A. Vaz a 23 de Dezembro de 2008
Afinal não. pensei que era só eu que tinha essa impressão! um Santo e Feliz Natal.
De Bic Laranja a 24 de Dezembro de 2008
E há-de haver mais gente.
Obrigado! Feliz Natal também!
De Alexa a 24 de Dezembro de 2008
Muito obrigada, Bic Laranja!

Votos de um bom Natal também para ti e para a tua família!

Um abraço amigo (aqui do Mercado)
De Bic Laranja a 26 de Dezembro de 2008
:) Cumpts.
De Santa Nostalgia a 7 de Janeiro de 2009
Bic,
concordo em absoluto.
De facto o Natal está sufocado pelo consumismo. Infelizmente muitos preferem-no assim, laico e pagão. Comercial e consumista.
Por cá ainda vive o verdadeiro Natal. Nada de pai natal muito menos ursos e coelhos.
De Bic Laranja a 8 de Janeiro de 2009
É bom saber! Bom ano!

Comentar