4 comentários:
De Ricardo Moreira a 20 de Outubro de 2009
Mudam-se os tempos, mudam-se as necessidades! Ou não!
De Bic Laranja a 20 de Outubro de 2009
Talvez. Talvez já não seja necessário que o trânsito flua facilmente do Cais Sodré para Santa Apolónia e vice-versa.
Cumpts.
De Pedro a 22 de Outubro de 2009
Olá,

Trabalho no Restelo e moro para os lados de Moscavide. Todos os dias, por volta das 18h00, fazia de carro a viagem Av. da India, Av. 24 de Julho, Cais do Sodré, Terreiro do Paço, Av. Infante D. Henrique.
Quando a Baixa foi cortada ao trânsito fiquei preocupado e achei que iria perder mais tempo....mas, descobri que afinal se utilizasse o Eixo Norte-Sul (que conhecia, mas considerava estar engarrafado)que afinal poupava tempo. Em síntese, a opção tomada de cortar e depois condicionar o trânsito na Baixa acabou por me fazer ganhar tempo!
As bicicletas, os peões e as esplanadas também são uma necessidade dos Lisboetas (residentes no Concelho ou perto), em minha opinião.
De Bic Laranja a 23 de Outubro de 2009
Há males que vêm por bem. Já as bicicletas e as esplanadas me parecem necessidade de fim de semana. Não que não faça falta mas não me parece que Lisboa esteja mal servida de divertimentos.
Cumpts.

Comentar