4 comentários:
De Attenti al Gatti a 3 de Dezembro de 2009
A velha Calçada Marquês de Abrantes, no tempo em que os eléctricos subiam a Avenida D. Carlos I, as lojas tinham um aspecto acolhedor, havia cortinas nas janelas e as senhoras tinham dificuldade em subir para o eléctrico, porque a rua era abaulada e os passeios ficavam mais baixos. E morreu tudo. Agora a velha Calçada é como os fantasmas: só tem vida à noite, graças a uma matula copicída, que um dia também desaparecerá. Sem deixar saudades.
A.v.o.
De Bic Laranja a 3 de Dezembro de 2009
Belo testemunho. Obrigado!
Bem-vindo à casa Europa.
Cumpts.

Comentar