Sexta-feira, 14 de Maio de 2010

14 de Maio

 Há coisas que não sei explicar... 
 A R.T.P. Memória transmite à hora do jantar uns programas antigos do professor Hermano Saraiva - os Horizontes da Memória. Hoje deu um sobre o Chiado. A folhas tantas, a propósito do Chiado, o professor referiu um livro da escritora Alice Vieira, Esta Lisboa (Caminho, 1993), e - espanto meu! - numas imagens do livro aberto a passar na TV vejo uma fotografia em que figurava o meu falecido pai.
 Que coisa extraordinária! O meu pai aparecer-me assim pela televisão ao fim destes anos todos numa obra publicada sobre Lisboa - sobre Lisboa, imagine-se! - e eu que não fazia a menor ideia!...
 No fim do programa contei o caso à senhora muito cheio de admiração. Ela achou graça e sugeriu que fôssemos à Feira do Livro comprar o tal livro. Achei uma excelente ideia e, enquanto ia pensando no meu pai e nesta extraordinária aparição, saiu-me de supetão a pergunta: - Que dia é hoje?!...
 - 14 de Maio...
 - Que coisa espantosa! O meu pai faria hoje anos!...

Esta Lisboa  (Alice Vieira - Caminho  1993)

Escrito com Bic Laranja às 23:23
Verbete | comentar
22 comentários:
De Pedro Jaime a 15 de Maio de 2010
ahhhh.... pois é!

(só uma curiosidade: se tiveres cagança em ter o livro autografado, fala comigo)

há coisas do caneco. é ele mesmo!

abraço, sócio, abracinho!
De Bic Laranja a 15 de Maio de 2010
Já viste, que coisa extraordinária?!
Obrigado pelo préstimo que me ofereces. Talvez ainda te venha a pedir o favor...
Abraço!
De Attenti al Gatti a 15 de Maio de 2010
Estamos mesmo em época de coincidências. Vamos vêr se os meus números do Euromilhões coincidem com os números premiados.
A.v.o.
De Bic Laranja a 15 de Maio de 2010
Faço votos que sim. Boa sorte! :)
De MLeiria a 15 de Maio de 2010
Essa agora! Dá que pensar!...
De Bic Laranja a 15 de Maio de 2010
Muito. É isso que não sei explicar...
Cumpts.
De [s.n.] a 15 de Maio de 2010
Há muitas coincidências todos os dias. Às vezes só reparamos quando acontece uma forte como essa.
Mas não são por acaso. Isso é que era bom. Se assim fosse já se tinham descoberto os segredos do universo, do tempo, de tudo.
Cumpts,
De Bic Laranja a 15 de Maio de 2010
É especulativo mas não me impede de concordar. Obrigado pelo seu comentário.
Cumpts.
De MCV a 15 de Maio de 2010
Espantoso!
Não sei se imagino o bem que lhe calhou.
Abraço
De Bic Laranja a 15 de Maio de 2010
Sim, mas o enorme espanto sobrepõe-se a tudo.
Cumpts.
De Paulo Nunes a 16 de Maio de 2010
Um conjunto de coincidências que nos deixa a pensar se serão mesmo apenas isso.
Se me permite a questão, qual dos senhores da fotografia era o seu pai?
De Bic Laranja a 18 de Maio de 2010
Muita coincidência junta, pois...
No mais deixe-me só dizer que lá reconheço o sr. Proença e o sr. Coelho também.
Cumpts. :)
De João Baptista a 17 de Maio de 2010
Existem coincidências engraçadas na vida

Também acompanho o Prof na RTP Memória
De Bic Laranja a 18 de Maio de 2010
É verdade.
Cumpts.
De [s.n.] a 17 de Maio de 2010
Realmente Sr.Bic ... que coisa espantosa... que coisa maravilhosa!
Tambem o meu falecido pai, admirador incondicional de Lisboa, ali naquele visível café à saída do Metro dos Restauradores tomava o seu lanche, regressando depois a casa para comigo partilhar as suas deambulações diárias pela cidade.
Obrigado
Bem Haja
De Bic Laranja a 18 de Maio de 2010
Obrigado eu, pelo comentário.
Cumpts.
De cb a 18 de Maio de 2010
De facto há concidências no minímo estranhas.
Mas deixe-me aproveitar a fotografia e contar que ali à direita um pouco mais abaixo, após o Eden, havia uma barbearia (mais tarde acho que deu em agência bancária) que o meu Pai frequentava nos anos 50, época em que se ia ao barbeiro semanalmente cortar o cabelo e fazer a barba. O barbeiro própriamente dito era o Sr Oliveira. Eu tinha à volta dos meus 9 a 10 anos e acredita que ainda me lembro da sua cara ?
Paredes meias ficava um botequim chamado Piratas e um dia, já eu era um rapazola de 16/17 anos o meu Pai perguntou-me o que andava eu a fazer por lá. Com um misto de surpresa e atrapalhação perguntei-lhe como é que ele sabia ? Teria-me visto a entrar ou a sair ? Nada disso. O dono/empregado é que lhe disse que ia lá de vez em quando um grupo de rapazes e entre eles um que era a cara chapada dele (do meu Pai). Continuei a ir, mas sempre com muita compostura.
De Bic Laranja a 19 de Maio de 2010
Eh! Eh! Rica história. Comigo não sucederia. E assim hei-de continuar a poder passar desapercebido nos Restauradores porque ninguém, com certeza, me conseguirá tirar muita parecença com o meu pai.
Cumpts.
De Attenti al Gatti a 18 de Maio de 2010
Posto que as coincidências não beneficiaram o meu palpite no Euromilhões e com isso se perdeu esta posssibilidade de patrocionar as Edições Bic Laranja, resta-me contentar com a coincidência deste sêr o local, onde se situa a Taverna Imperial onde, diáriamente, tomo a "bica" e onde já vou desde o tempo em que, com o mesmo nome, funcionava à porta fechada. Tenho esta obra da Alice Veira cuja, não me despertou grande interesse, excepto a tal foto, não porque reconheça algum dos fotografados, mas pelos motivos que acima descrevo. Mas uma coincidência assim, caro Bic, é uma coisa singular, sem dúvida.
A.v.o.
De Bic Laranja a 19 de Maio de 2010
Obrigado pela confiança nas Edições Bic Laranja mas não creio que fosse negócio nada rendoso. Se esse era o investimento dos euromilhões garanto-lhe que no fim o saldo seria o mesmo com que ficou agora, pois claro.
Li um pedacinho do livro (O Chiado). Falta-lhe a aura dum tempo mais passado (que todavia vai ganhando), mas está bem escrito. É leve. Cuido que a autora procurou uma via antropológica de Lisboa. Talvez por isso estivesse como vossemecê, alheado da obra.
Cumpts. :)

Comentar

Maio 2020

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
21
23
25
26
27
29
30
31

Visitante


Contador

Selo de garantia

pesquisar

Ligações

Adamastor (O)
Apartado 53
Arquivo Digital 7cv
Bic Cristal
Blog[o] de Cheiros
Carmo e a Trindade (O)
Chove
Cidade Surpreendente (A)
Corta-Fitas(pub)
Delito de Opinião
Dragoscópio
Eléctricos
Espectador Portuguez (O)
Estado Sentido
Eternas Saudades do Futuro
Fadocravo
Firefox contra o Acordo Ortográfico
H Gasolim Ultramarino
Ilustração Portuguesa
Lisboa
Lisboa de Antigamente
Lisboa Desaparecida
Menina Marota
Mercado de Bem-Fica
Meu Bazar de Ideias
Paixão por Lisboa
Pena e Espada(pub)
Perspectivas(pub)
Pombalinho
Porta da Loja
Porto e não só (Do)
Portugal em Postais Antigos(pub)
Retalhos de Bem-Fica
Restos de Colecção
Rio das Maçãs(pub)
Ruas de Lisboa com Alguma História
Ruinarte(pub)
Santa Nostalgia
Terra das Vacas (Na)
Tradicionalista (O)
Ultramar

arquivo

Maio 2020

Abril 2020

Março 2020

Fevereiro 2020

Janeiro 2020

Dezembro 2019

Novembro 2019

Outubro 2019

Setembro 2019

Agosto 2019

Julho 2019

Junho 2019

Maio 2019

Abril 2019

Março 2019

Fevereiro 2019

Janeiro 2019

Dezembro 2018

Novembro 2018

Outubro 2018

Setembro 2018

Agosto 2018

Julho 2018

Junho 2018

Maio 2018

Abril 2018

Março 2018

Fevereiro 2018

Janeiro 2018

Dezembro 2017

Novembro 2017

Outubro 2017

Setembro 2017

Agosto 2017

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

Junho 2006

Maio 2006

Abril 2006

Março 2006

Fevereiro 2006

Janeiro 2006

Dezembro 2005

Novembro 2005

Outubro 2005

Setembro 2005

Agosto 2005

Julho 2005

Junho 2005

Maio 2005

Abril 2005

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

____