De Attenti al Gatti a 26 de Maio de 2010
Infelizmente, trata-se de um espectáculo corrente. Basta vêr o que se passa do lado contrário da mesma avenida, nos cruzamentos da 5 de Outubro e António Augusto de Aguiar. E não é só de agora. As fotos antigas testemunham o que se perdeu com a construção do Sheraton, um "caixote" na altura tão celebrado como expoente de modernidade e progresso, a cujas galerias se ia só para "armar ao pingarelho". Visitei, há muitos anos atrás, um dos prédios da foto, assim como o Palácio Sotto Mayor. Nessa altura ainda exibiam restos da antiga grandeza. E soltava-se-me a imaginação. Parecia-me que viver alí, nos tempos áureos, tería sido como viver num planeta diferente daquele que conhecí nos dos bairros populares onde nascí e crescí. Tristemente, hoje, esses planetas estão próximos um do outro, unidos pela degradação e ruína.
A.v.o.
De Bic Laranja a 26 de Maio de 2010
Sim. Esses que diz aguardam a celebrada modernidade que se vê no Sheraton. Em quarenta anos a modernidade não evoluiu nada, afinal.
No mais é uma tristeza esta completa ruína em que a cidade cai; rica ou pobre, que parece não haver diferença. Uma desgraça!
Cumpts.
Comentar:
De
  (moderado)
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Este Blog tem comentários moderados

(moderado)
Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres




O dono deste Blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.