De Luísa a 27 de Abril de 2011
Uma ideia de génio, não? A minha história mais jeitosa com esses belos cartões foi nos barcos para o Barreiro. A máquina não aceitava o cartão (que estava válido e não tinha qualquer bilhete dentro) e eu tinha que esperar que a bilheteira abrisse. A bilheteira abria às 8h15 e a essa hora eu devia estar na escola a estagiar...
Por causa disso comecei a ter quatro ou cinco cartões na carteira. Tinha que escrever em cada um em qual transporte me podia servir deles...

No entanto, o seu texto tem uma coisa boa. A imagem a ilustrar. É engraçado ir conhecendo uma cidade que já lá vai...

Saudações
De Bic Laranja a 27 de Abril de 2011
Pois nem assim essas empresas de transporte dão lucro, veja bem.
A imagem vale bem mais que o texto, sim; dá mais realce à intrujice dos dias que vivemos.
Cumpts.
Comentar:
De
  (moderado)
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Este Blog tem comentários moderados

(moderado)
Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres




O dono deste Blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.