De Attenti al Gatti a 6 de Agosto de 2011
Razões tinha eu para ambicionar, toda a vida, subir ao alto deste edifício. E nem sabia que de lá se avistava o Tejo. Era a torre do Pim Pam Pum, por causa da sapataría que havia no r/c. no lado contrário, no cimo do telhado, brilhava à noite, ora verde, ora vermelho, uma rosa-dos-ventos.
A.v.o.
De Bic Laranja a 6 de Agosto de 2011
A admiração de ser ver de lá o Tejo também me deu e a um camarada meu destas caçadas olisiponenses, há muitos anos quando o descobrimos.
Cumpts.
Comentar:
De
  (moderado)
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Este Blog tem comentários moderados

(moderado)
Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres




O dono deste Blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.