7 comentários:
De cb a 14 de Novembro de 2011
"Vai um tirinho, ó freguês ?"
Boas memórias da Feira Popular, nos idos de 60. Mais os carrinhos de choque, os churros, o castelo fantasma, o poço da morte (com o Joselito, anunciado como campeão mundial de motociclismo) e em certo ano com a exposição, nua e crua, de um gigante moçambicano, de que não me recordo o nome, considerado à época o maior homem do mundo. Julgo teria aí uns quase dois metros e meio. Hoje pagaria para não ver.
De Bic Laranja a 15 de Novembro de 2011
Vi esse moçambicano de trato bondoso no Mundo das Ferramentas, em Arroios, e era alto que se fartava.
Cuido que faleceu.
Cumpts.
De a 16 de Novembro de 2011
Sobre o gigante em causa, falecido há já vinte anos - http://macua.blogs.com/moambique_para_todos/2008/03/ainda-se-lembra.html
De Bic Laranja a 17 de Novembro de 2011
E como não podia deixar de ser, lá vem que o pobre gigante foi vítima da exploração colonial. Um chavão que é como o sal da vida.
Cumpts,
De a 18 de Novembro de 2011
É verdade, é verdade, caro amigo: chavões, diz muito bem. Dei conta de tal ligação a título meramente informativo, sem sobraçar muito do que por lá se diz.

Comentar