10 comentários:
De [s.n.] a 29 de Novembro de 2012
Confesso esgotada a minha capacidade de ouvir a argumentação apresentada pelo chefe dos ladrões Passos Coelho e do resto do gang, bem como a corte de engraxadores e de lacaios que vão enchendo a comunicação social, com o seu estafado argumentario salazarento em defesa da economia e do estado português, baseado no emprobecimento do povo, que enganaram com promessas eleitorais mentirosas, optando pela defesa da finança alemã.

A miséria a que está a conduzir o nosso gente, não tem argumentação possível razão porque encerrei a partir de hoje, com a audição do jovem salazar português, a minha capacidade de ouvir qualquer tipo de argumentação daquela gente.

Declaro-me a partir de hoje em desobediência civil enquanto esta gentalha se mantiver no governo. Este governo ilegítimo e ilegal, quanto mais não seja pelo facto de ser um governo fora da lei, considerando que insiste em governar contra a lei fundamental de Portugal a Constituição. Não devemos esquecer o que aconteceu com o orçamento de 2012, quando algumas das medidas orçamentais foram consideradas ilegais, embora tivessem sido deixadas passar, por razões que o Tribunal Constitucional considerou poderem ser aceites.

Este governo, é um governo com pena suspensa, que reincidindo no mesmo crime, deve ser banido por aquele Tribunal.

Banido em definitivo, da cena política deve ser não só essa gentalha do PSD, como o seu inútil apêndice político chamado CDS.PPm que claramente não faz mais nada do que tentar passar a imagem de alguém que estando não está, assina acordos com a gentalha do governo mas finge que não gosta e aparece chorando lágrimas de crocodilo, para salvaguardar futuras eleições.
De Bic Laranja a 9 de Dezembro de 2012
Argumentário em defesa do Estado Português?! Tem a certeza? E empobrecimento do povo como o malvado Salazar o fazia?!
Ora!...
De tron a 29 de Novembro de 2012
são apenas idiotas
De Bic Laranja a 9 de Dezembro de 2012
Idiotas com poder são um perigo.
Cumpts.
De Paulo Cunha Porto a 29 de Novembro de 2012
Que a Ortografia podia assumir-se como sinal da depressão do País, não é novidade de maior. Mas já o é este upgrading de se arvorar em co-gerador dela.

Abraço, Caro Bic
De Bic Laranja a 9 de Dezembro de 2012
Derreter uma nação inteira é obra de vulto. Como havia muitos a procurar tomá-lo em mão houve de se distribuir pelouros.
Cumpts.
De JPG a 29 de Novembro de 2012
Pedindo antecipadamente desculpas pela auto-citação: já em Abril de 2008 tinha alertado para a situação que agora, quase 5 anos depois, se verifica. Na altura, evidentemente, a dita situação ainda não tinha sido "referida em lado algum".

http://apdeites2.cedilha.net/?p=865

Cumprimentos.
De Bic Laranja a 9 de Dezembro de 2012
Obrigado por mo lembrar.
Cumpts.
De Inspector Jaap a 6 de Dezembro de 2012
Estaremos, ou não, a falar de gente(inha) que, se encostar o polegar ao nariz e abrir a mão, já não conseguirá ver a falangeta do dedo mindinho?
Mas então não é claro que o que está por trás desta negociata que fede, é apenas a concupiscência económica? Mas eles são lá capazes de qualquer previsão digna desse nome? E se o fossem, isso interessar-lhes-ia para alguma coisa? Renegados, é o que todos elas são, a começar no malacaca do castelo, e a acabar no bichoco das feitorias de além-mar; o giro é que, ou muito me engano, ou os lado lado de lá vão fazer tábua rasa do papel que assinaram,; seria de cruz?
Cumpts
De Bic Laranja a 9 de Dezembro de 2012
Previsões de ruína só importariam se calhassem ao negócio. No caso o negócio estriba-se por definição na ruína -- continuada -- do idioma.
Cumpts.

Comentar