2 comentários:
De Paulo Cunha Porto a 1 de Dezembro de 2012
Pois se o Santo do Dia e do Nome foi crucificado numa aspa, quem somos nós para não pormos umas aspas do tamanho do mundo em quejandos progressos?

Abraço, Caro Bic
De Bic Laranja a 9 de Dezembro de 2012
Abraço. :)

Comentar