10 comentários:
De Carlos Portugal a 26 de Dezembro de 2012
Caro Bic:

Pois grande novidade as incoerências deste aborto ortográfico e dos seus iletrados sequazes me revelam! Não sabia que havia «fatos tributários» e que estes podiam «ocorrer» em vez de serem vestidos...

Cumprimentos e continuação de Santas e Felizes Festas!
De Bic Laranja a 27 de Dezembro de 2012
Pois não é uma palermice pegada? No Diário da República. Ao que havíamos de chegar...
Festas Felizes!
De Inspector Jaap a 10 de Janeiro de 2013
Não sabia o caro Carlos que havia «fatos tributários» porque até agora a tributação era um facto que «ocorria» com honestidade regras legítimas e não com a quadrilha de ladrões que os produz, para fazer jus à etimologia, mesmo que, ela também, duvidosa!
Cumpts
De [s.n.] a 26 de Dezembro de 2012
Pois as entidades brasileiras fazem muitíssimo bem em abeberar durante mais uns anos, para, espera-se e deseja-se, finalmente anularem esta afronta (para não dizer escarro, desculpem o plebeísmo) que é o AO90 e queira Deus que para sempre.
Estão de parabéns os responsáveis brasileiros que assim decidiram. Até parece - e pelo visto é um facto - que dão mais valor à língua portuguesa correctamente grafada do lado de lá do Atlântico do que certos auto-classificados 'linguistas' da nossa praça.
Maria
De Bic Laranja a 27 de Dezembro de 2012
Temo que dêem mais valor ao seu próprio linguajar do que ao Português. Apenas não têm coragem de o crismar brasileiro porque o português anda tem prestígio. Afinal não há Lusíadas em tupiniquim nem prémios Nobel em linguagem crioula. Mas que nos podem dar jeito, podem. Que pena as cacholas destes de cá serem como calhaus.
Continuação de Boas Festas!
De [s.n.] a 27 de Dezembro de 2012

:))

-------------

Votos agradecidos e duplamente retribuídos.
Maria
De Rogério Maciel a 27 de Dezembro de 2012
Caro BiCLaranja , Saudações Patrióticas e Anti-AO !
Uma Santíssimo Natal do Senhôr !
Rogério
De Bic Laranja a 27 de Dezembro de 2012
Muito obrigado! Igualmente a si e aos seus.
Boas festas!
De tron a 28 de Dezembro de 2012
as duas formas de escrever faCto no artigo do Diário da República mostra a pressa apressada para se aplicar o aborto ortográfico que até os brasileiros estão em dúvida se aplicam ou não
De Bic Laranja a 2 de Janeiro de 2013
«Fato» a succeder a «facto» denuncia o propósito: forçar o português com o brasileiro.
Bom anno!

Comentar