13 comentários:
De marcos Pinho de Escobar a 29 de Dezembro de 2012
Pavoroso! Melhor seria pôr tudo isso em "prates" limpos!
Abraço amigo.
De Bic Laranja a 30 de Dezembro de 2012
Prates limpos não deve ser possível. Mas ele que faça lá o «brasileiro» que sempre desampara a loja.
Bom anno nôvo!
De marcos Pinho de Escobar a 31 de Dezembro de 2012
Obrigado! E para si e todos os seus um Feliz 2013!
De Júlio Amorim a 31 de Dezembro de 2012
Acordos....para acordar !!!!

http://www.dn.pt/especiais/interior.aspx?content_id=2970516&especial=Revistas%20de%20Imprensa&seccao=TV%20e%20MEDIA

Um melhor ANO NOVO para todos !
De Bic Laranja a 31 de Dezembro de 2012
Pois!...
Obrigado! São também os meus votos.
De Basilio Ramos a 1 de Janeiro de 2013
Ponha "canalhas nisso"Eu pergunto;onde estão os Portugueses de antes quebrar que torcer.Eles acabam sempre por aparecer,mas estão a tardar.
De Bic Laranja a 5 de Janeiro de 2013
Também me aparece. Pelo tempo da descoberta do Brasil punha Garcia de Resende estas trovas em Miscelanea:

Os Portugueses sohiam
ser nas armas muy destrados,
animosos ser sohiam,
os homens delicados
por fracos haviam.
Non lhes lembrava tractar,
nem muyto negociar;
Eram com pouco contentes,
com amigos, e parentes
costumavam folgar.

Depois foram tam polidos,
Tam ricos, tam atilados,
tam doces, e tam luzidos,
e tam cheos d' esmaltados,
cabelleiras e tingidos,
e em gastar desordenados,
e tantos trajos mudados,
tanto mudar de viver,
tanto tractar, revolver,
tanto ser negociados.

A ser negociados estamos.
Cumpts.
De DS a 2 de Janeiro de 2013

Ia jurar que no Brasil a língua Portuguesa é a que está em vigor...

E a língua Portuguesa não deveria ser um Património Mundial?

Abraços!
De Bic Laranja a 5 de Janeiro de 2013
Legalmente, sim. O brasileiro a que ele se refere é o crioulo da plebe. Não tiveram ainda coragem de o pôr na constituição. E o salivar em português escorreito deste Luís Carlos é ódio reles aos portugueses. No fundo ódio de si mesmo, que nem consegue exprimir-se senão em português.
Cumpts.
De Inspector Jaap a 10 de Janeiro de 2013
Ora aí está, em tirar nem pôr!
Com estes miserandos bestuntos que mais não conseguem albergar que um ódio irracional a tudo o que é português, poder-se-ia espera mais? Certamente que não; ora, acontece que não é com massa desta que os feitores de além-atlântico alguma vez conseguirão criar uma língua sua, e, assim, mais fácil é apoderar-se na nossa, e crismá-la, não duvidem, com o labéu de «brasileiro» , com a miserável conivência destes Miguéis de Vasconcelos da cultura que cá temos.
Cumpts
De Bic Laranja a 11 de Janeiro de 2013
O vai nos bestuntos do lado de cá cabalmente resumido aqui.
Cumpts.
De cabo carvoeiro a 10 de Janeiro de 2013
Há dias encontrei o livro do Pessoa, O Desassossego, num site brasileiro, versão PDF , como tenho um IPAD , decidi copiar o texto completo do livro, para o colar no TTX da suite OPENOFFICE versão portuguesa, para o transformar no formato, EPUB , qual não foi a minha surpresa, quando comecei a corrigir certos defeitos do texto, eram detectados muitíssimos erros de ortográfica , como o meu português tem muitas lacunas, resolvi verificar as palavras ""ERRADAS"", no dicionário português (Porto Editora) que tenho no IPAD , resultado as palavras não estavam erradas não, simplesmente o dicionário que é atribuído ao OPENOFFICE, é o dicionário português brasileiro, ou seja a língua brasileira em que este palhaço tem tanto orgulho, é de uma miséria incrível , é preciso ser burro para falar desta maneira, como se a cultura de um povo se medisse em km2 , têm 2 litros de petróleo já se julgam uma potencia.
De Bic Laranja a 11 de Janeiro de 2013
Pois é. Agora imagine-se o escândalo que é um nativo de Portugal manifestar-se senhor do seu próprio idioma: o Português.
Cumpts.

Comentar