Quarta-feira, 13 de Fevereiro de 2013

O Presidente do Conselho Directivo da A.R.S. de... da Estremadura

  Recebi uma cartinha da A.R.S. de Lisboa e Vale do Tejo... -- dantes dizia-se com mais propriedade Estremadura mas ia lá o povo agora perceber sentido nos estranhos nomes das províncias portuguesas. Também ninguém no ensina...
 Adiante.
 Recebi uma cartinha da Administração Regional de Saúde a dizer-me que por conta de não sei quantos despachos e decretos me riscavam do posto da Caixa (dantes dizia-se assim mas agora chamam ACES à coisa; nem sei o que significa). A cartinha veio ofensivamente em acordês mas era assinada por ninguém menos do que o sr. Presidente do Conselho Directivo. Isto mesmo: Directivo. Não é espantoso?!

 Não sou de fazer esperar gente de títulos em tão recto português e vai daí respondi-lhe prestes -- até redigi à mão -- que, já que a lei mo permite, me mantivessem a inscrição no posto da caixa (ou no ACES ou lá como é) e que fizesse o sr. Presidente do Conselho Directivo o favor de transmitir esta minha tenção aos respectivos serviços.
 Disse-lhe mais, mas o principal foi isto.

Resposta ARS/LVT

Escrito com Bic Laranja às 19:20
Verbete | comentar
7 comentários:
De Mario a 13 de Fevereiro de 2013 às 20:42
Muito bem respondido Bic Laranja. Este processo de "reorganização" está muito pouco organizado. Um familiar meu que infelizmente tem de frequentar o medico de família com alguma frequência (1 vez por mês pelo menos), recebeu esta semana essa mesma carta.

Cumprimentos,
Mario
De Bic Laranja a 13 de Fevereiro de 2013 às 22:21
São duma eficiência impressionante, não são?
Cumpts.
De Marcos Pinho de Escobar a 13 de Fevereiro de 2013 às 22:28
Parabéns Caro Amigo! Autêntico Lidador da Língua Portuguesa! Se os portugueses seguissem o exemplo do Amigo, garanto que o "acordês" já estaria no contentor do lixo.
Abraço.
De Bic Laranja a 13 de Fevereiro de 2013 às 23:30
Os portugueses até hão-de fazer melhor do que eu. Os inertes não são portugueses.
Cumpts.
De Costa a 14 de Fevereiro de 2013 às 13:08
Tanto gostava de o acompanhar nessa manfestação de fé nos portugueses. Infelizmente, de um povo que não lê (porque isso é basicamente uma perda de tempo, para "intelectuais", tão logo ultrapassa as revistas de resumo de telenovelas e os jornais ditos desportivos ou de sangue), que resume o acto de escrever à pratica da assinatura - com ingénua caligrafia de instrução primária (os que ainda a fizeram nos tempos em que dava digna preparação, ainda que "primária"), se requerida, num qualquer papel para uma consulta médica ou a obtenção de um subsídio, e que por estes tempos se vê largamente reduzido à sobrevivência, não o posso fazer.

Haja a tal nossa "seleção" (assim grafada em camisolas que esses portugueses exibem orgulhosos!) e as doses cavalares de futebol, novelas e restante entretenimento embrutecedor. Isso é o que interessa. Quanto ao aborto ortográfico, pois se até vem simplificar (pensam eles e assim lhes é estremecidamente servido pelo Poder)!... E mais, vem - como eles acreditam - aproximar-nos da escrita brasileira!

Ora haverá não-brasileiro que mais esforçadamente queira ser brasileiro do que um português médio?

Nós seremos Velhos do Restelo, única referência minimamente erudita (e não tanto por seu mérito, na circunstância, antes por demérito de quem a cita) que conseguem papaguear e, ainda por cima, pervertendo-lhe completamente o significado.

E assim continuaremos. Lutando a nossa guerra. Que bem receio perdida.

Costa
De Joe Bernard a 14 de Fevereiro de 2013 às 16:18
A D O R E I ! ! !
Muito bem.
Mais uma vez... de acordo consigo.
Parabéns.
De gato a 2 de Abril de 2013 às 11:11
No Diário da República nº 193, de 6a-feira 23 de Agosto de 1991, vem a ultima novidade LEGAL sobre como escrever.

Decreto do Presidente da República nº 43/91

Abraço do eao

Comentar

Agosto 2019

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
13
20
23
24
25
26
27
28
29
30
31

Visitante


Contador

Selo de garantia

pesquisar

Ligações

Adamastor (O)
Apartado 53
Arquivo Digital 7cv
Bic Cristal
Blog[o] de Cheiros
Caminhos de Ferro Vale Fumaça
Carmo e a Trindade (O)
Chove
Cidade Surpreendente (A)
Corta-Fitas(pub)
Delito de Opinião
Dragoscópio
Eléctricos
Espectador Portuguez (O)
Estado Sentido
Eternas Saudades do Futuro
Fadocravo
Firefox contra o Acordo Ortográfico
H Gasolim Ultramarino
Ilustração Portuguesa
Lisboa
Lisboa de Antigamente
Lisboa Desaparecida
Menina Marota
Mercado de Bem-Fica
Meu Bazar de Ideias
Paixão por Lisboa
Pena e Espada(pub)
Perspectivas(pub)
Pombalinho
Porta da Loja
Porto e não só (Do)
Portugal em Postais Antigos(pub)
Retalhos de Bem-Fica
Restos de Colecção
Rio das Maçãs(pub)
Ruas de Lisboa com Alguma História
Ruinarte(pub)
Santa Nostalgia
Terra das Vacas (Na)
Ultramar

arquivo

Agosto 2019

Julho 2019

Junho 2019

Maio 2019

Abril 2019

Março 2019

Fevereiro 2019

Janeiro 2019

Dezembro 2018

Novembro 2018

Outubro 2018

Setembro 2018

Agosto 2018

Julho 2018

Junho 2018

Maio 2018

Abril 2018

Março 2018

Fevereiro 2018

Janeiro 2018

Dezembro 2017

Novembro 2017

Outubro 2017

Setembro 2017

Agosto 2017

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

Junho 2006

Maio 2006

Abril 2006

Março 2006

Fevereiro 2006

Janeiro 2006

Dezembro 2005

Novembro 2005

Outubro 2005

Setembro 2005

Agosto 2005

Julho 2005

Junho 2005

Maio 2005

Abril 2005

RSS

____