10 comentários:
De Zephyrus a 16 de Junho de 2013
A proliferação do mamarracho começou no final do Estado Novo. Algures final dos anos 60. O que explicará isto? O que mudou? É que não encontro beleza em quase nada do que se construiu depois...
De Bic Laranja a 16 de Junho de 2013
A mentalidade de fazer tábua rasa recua aos anos 30. Veja a Mouraria e os planos do Rossio e da Praça da Figueira.
Sucede que do tempo de Duarte Pacheco aos anos 60 havia terrenos de sobra, em que só solares rurais e casais dispersos havia. Depois o espírito «empreendedor» continuou, a expensas das avenidas novas e, fatalmente, das novíssimas.
Quanto ao gosto, tem vindo a par da civilização. Barbarizou-se.
Cumpts.
De Zephyrus a 16 de Junho de 2013
Nos anos 40 fizeram um grande atentado contra o país quando demoliram desnecessariamente a Alta de Coimbra.
De facto o problema é mais antigo.
De Bic Laranja a 16 de Junho de 2013
Bem vê...
De [s.n.] a 16 de Junho de 2013
Fui ver algumas das ligações que deixou, umas já tinha visto, outras não. O monstro que edificaram frente ao Pão d'Açucar, comparado com o que lá estava que não era nada do outro mundo, é de fugir. H-o-r-r-í-v-e-l. De um mau gosto atroz. Há que pôr termo a este pavor de gente. Quando é que este regime, criminoso em todas as suas vertentes, acaba de vez??? Quando é que nos iremos livrar destes assassinos de Pátrias, de povos, de cidades, de identidades, da autoridade, da moral, do civismo, da educação, do respeito, da ética, da ordem estabelecida e, como se fosse pouca a velhaquice, da Soberania e da Independência? Quando é que termina a triste sina deste bom povo? Se o que de tão trágico nos tem vindo a acontecer nestes últimos quase quarenta anos, não é o resultado do verdadeiro Demónio a actuar entre nós - e quem não acreditar Nele basta-lhe comprovar o que Ele tem vindo a fazer ao nosso País e ao nosso Povo e tem aí a prova acabada - então não sei o que Lhe chamar.
Maria
De Zephyrus a 16 de Junho de 2013
No que diz respeito a monstros, estou em crer que no Porto o cenário é ainda mais dantesco. Hoje o Porto mais parece uma cidade da América Latina ou do Magrebe.
De Bic Laranja a 18 de Junho de 2013
Cuidei que o Porto estivesse melhor, mas já percebo que é tudo igual. Portugal inteiro deu nesta vergonha de betão armado. Que tristeza!
Cumpts.
De Bic Laranja a 18 de Junho de 2013
«Não bem que sempre dure nem mal que se não acabe.» Portugal já não dura, isso eu sei...
Cumpts.
De ASeverino a 12 de Julho de 2013
Atenção aos patos bravos dos anos 60, J. Pimentas e cª. que iniciaram a destruição de Portugal.
De Bic Laranja a 15 de Julho de 2013
Sim. O desastre vem dos annos 60.
Cumpts.

Comentar