Terça-feira, 13 de Agosto de 2013

Da taxa sepulcral antecipada

Shot0001.jpg

 Esta já tem algum tempo mas como ainda estou vivo continua válida pelo absurdo.
 Do ponto de vista elementar, a Lei n.º 53-E/2006, de 29 de Dezembro, põe-me a par dos mortos e manda as câmaras cobrarem-me antecipadamente uma taxa sepulcral em função disso. -- Pois, que ocuparei eu de subsolo, vivendo à superfíce e habitando até em andar alto?!...
 Na mesma lógica, a Resolução do Conselho de Ministros n.º 98/2008, de 8 de Abril deve entender que a decomposição do meu futuro cadáver se enquadra na distribuição de gás natural canalizado e manda a Companhia cobrar-me a taxa antes que eu mumifique.

Escrito com Bic Laranja às 12:55
Verbete | comentar
6 comentários:
De [s.n.] a 13 de Agosto de 2013
Estes valdevinos ordinários que nos destruíram a vida e o país e nos andam a roubar desalmadamente há décadas, parece que não lhes chegam os milhões de milhões que já empocharam. E o rapinanço por todos os meios continua imparável. Nos impostos, taxas e multas (a EMEL/C.M.L. tem lucros anuais de muitos milhões) é uma festa. Esse então que cita é de bradar aos céus. Esta gente não tem a mínima vergonha. Aliás nunca a teve. Devia ser corrida do País por indecente e má figura.
Maria
De Bic Laranja a 14 de Agosto de 2013
Sim, é um festim o que para aí vai.
Cumpts.
De Inspector Jaap a 15 de Agosto de 2013
Esta cáfila tem uma una noção: é tudo deles; sorte a nossa que ainda nos deixam cá viver; assim ainda devíamos estar-lhes gratos além de lhes pagarmos impostos obscenos.
Mas, dentro da cáfila, há uma sub-cáfila que emprega a meia dúzia de neurónios que lhe povoa o bestunto a descobrir formas sofisticadíssimas, como essa que refere, de nos extorquir dinheiro, à qual junto outra de que já fui vítima: a de pagar para entrar na minha própria casa!!!
Assim, temos uma casa que paga(á)mos mas que é deles, um solo que, vá lá saber-se porquê, é deles e só deles, um carro que paga(á)mos mas que eles podem confiscar a qualquer momento, até que chegaremos a um ponto em que vamos pagar imposto por… respirar; é só alguma alimária lembrar-se de que o ar também é deles. Que triste país o nosso!
Cumpts
De Bic Laranja a 16 de Agosto de 2013
Pagar para entra em casa?! Não quere contar essa?
Cumpts.
De Inspector Jaap a 18 de Agosto de 2013
Conto, com todo o gosto:
Aqui atrasado, recebi com estupor uma amável notificação da C.M. do concelho onde habito, a notificar-me que, a partir daquela data, teria que pagar aquilo que eles pomposamente designaram por «Taxa de Rampas Fixas»???!!!???
Dirigi-me aos serviços competentes(?) a perguntar que raio era aquilo e fui também muito amavelmente informado que era por causa da rampa do passeio em frente à minha casa, por onde passo com o carro! Siderado, andei uns segundos pelo chão à procura do meu maxilar inferior, e, depois de o encontrar, comecei a vociferar impropérios sobre a mente perversa e tortuosa de quem inventava esses impostos, sobre algo que eu tinha comprado e, por força de lei, cedido gratuitamente à Câmara, leia-se o passeio, ao que me foi respondido que tinha sido a vereação anterior (de outra cor política, como é de prever) a aprovar tal ignomínia, e que estes se tinha limitado a aplicá-la; quer o caro Bic cobardia maior? Limitei-me a encolher os ombros e a rosnar qualquer coisa do estilo «um dia destes vamos pagar por respirar» e a vir embora.
Agora pasme: da mesma forma que tal aberração apareceu, assim desapareceu anos mais tarde, (chegou-lhes a vergonha???) sendo hoje, é justo dizê-lo, apenas uma recordação desagradável; se esta gente pusesse as suas capacidades a funcionar « A bem da Nação», não estávamos, seguramente, onde estamos.
Cumpts
De Bic Laranja a 18 de Agosto de 2013
Notável! Mais notável ter desaparecido.
Grato.
Cumpts. :)

Comentar

Julho 2022

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

Visitante



Selo de garantia

pesquisar

Ligações

Adamastor (O)
Apartado 53
Bic Cristal
Blog[o] de Cheiros
Carmo e a Trindade (O)
Chove
Cidade Surpreendente (A)
Corta-Fitas(pub)
Delito de Opinião
Dragoscópio
Eléctricos
Espectador Portuguez (O)
Estado Sentido
Eternas Saudades do Futuro
Fadocravo
Firefox contra o Acordo Ortográfico
Fugas do meu tinteiro
H Gasolim Ultramarino
Ilustração Portuguesa
Lisboa
Lisboa de Antigamente (pub)
Lisboa Desaparecida
Menina Marota
Mercado de Bem-Fica
Meu Bazar de Ideias
Paixão por Lisboa
Pena e Espada(pub)
Perspectivas(pub)
Pombalinho
Porta da Loja
Porto e não só (Do)
Portugal em Postais Antigos(pub)
Retalhos de Bem-Fica
Restos de Colecção
Rio das Maçãs(pub)
Ruas de Lisboa com Alguma História
Ruinarte(pub)
Santa Nostalgia
Terra das Vacas (Na)
Tradicionalista (O)
Ultramar

arquivo

Julho 2022

Junho 2022

Maio 2022

Abril 2022

Março 2022

Fevereiro 2022

Janeiro 2022

Dezembro 2021

Novembro 2021

Outubro 2021

Setembro 2021

Agosto 2021

Julho 2021

Junho 2021

Maio 2021

Abril 2021

Março 2021

Fevereiro 2021

Janeiro 2021

Dezembro 2020

Novembro 2020

Outubro 2020

Setembro 2020

Agosto 2020

Julho 2020

Junho 2020

Maio 2020

Abril 2020

Março 2020

Fevereiro 2020

Janeiro 2020

Dezembro 2019

Novembro 2019

Outubro 2019

Setembro 2019

Agosto 2019

Julho 2019

Junho 2019

Maio 2019

Abril 2019

Março 2019

Fevereiro 2019

Janeiro 2019

Dezembro 2018

Novembro 2018

Outubro 2018

Setembro 2018

Agosto 2018

Julho 2018

Junho 2018

Maio 2018

Abril 2018

Março 2018

Fevereiro 2018

Janeiro 2018

Dezembro 2017

Novembro 2017

Outubro 2017

Setembro 2017

Agosto 2017

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

Junho 2006

Maio 2006

Abril 2006

Março 2006

Fevereiro 2006

Janeiro 2006

Dezembro 2005

Novembro 2005

Outubro 2005

Setembro 2005

Agosto 2005

Julho 2005

Junho 2005

Maio 2005

Abril 2005

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

____