10 comentários:
De mujahedin a 20 de Setembro de 2013
Está mesmo a propósito o que escreveu um sr. Pedro Pinto no mesmo livro das fuças, e que reproduzo aqui sem autorização e esperando que me não leve a mal:

«A palavra "perfeCcionista" escreve-se "perfeKtionistisch" em alemão. Além disso, não sofre alteração na norma brasileira.
A Mixórdia Tortográfica admite a dupla grafia, consoante o gosto do freguês, mas os acordistas preferem escrever "perfecionista", um vocábulo que só existe na novilíngua malparida de Português.
O acordês só complica, não simplifica. Pior que isso, estupidifica.»

Estão, de facto, um passo bem largo à frente, sobretudo na estupidez.
Contara-me eu entre os possíveis fregueses desta categoria de automóveis e atirava-me já para os braços duma Mercedes. Pelo menos enquanto não abrisse a boca...
De Bic Laranja a 20 de Setembro de 2013
Não levo nada a mal, antes pelo contrário. O comentário é pertinentíssimo.
A estupidez desta escrita é tanta que nem na fala se funda, como pretende. Que sentido faz escrever com menos letras do que as que se ouvem?
Arimética? Indenização? Fato? Perfecionista...?
E porque não omitir sílabas inteiras; porque não armética, inização, percionista já que tantos dizem 'jum ou 'Badela por 'jejum' e 'Bobadela'? Hem?!
Cumpts.
De mujahedin a 20 de Setembro de 2013
A bem dizer, quem eu esperava que me não levasse a mal era o autor do comentário!
Mas ainda bem que o caro Bic também não!:)

Pois olhe que, como diz, já comem sílabas inteiras às palavras sim senhor, tal é a míngua de nem sei bem o quê...
De Bic Laranja a 20 de Setembro de 2013
Ah! Não faça caso.
Cumpts. :)
De Inspector Jaap a 23 de Setembro de 2013
É, prosaicamente e apenas o "pugresso"
Cumpts
De Afonso Loureiro a 20 de Setembro de 2013
Tomei o cuidado de pedir esclarecimentos ao representante da BMW em Portugal. Não sei o que quer dizer "perfessionista".
De Bic Laranja a 20 de Setembro de 2013
Também mandei esta aos tratantes da S.O.N.A.E. e ummas quantas outras aos analfabetos da C.G.D., da TV Cabo e por aí.
Os do merceeiro-mor responderam que deram conhecimento a quem se dev preocupar com a perda de clientes ou lá o que é. Ficaram à nora e sem saber como resolver. Enquanto o boicote lhes não quebre notoriamente as vendas, porém, hão-de persistir, mormente porque não têm espinha.
Deus nos dê paciência!
Cumpts.
De mujahedin a 20 de Setembro de 2013
Lá no grupo do livro das fuças de saquei o comentário acima e de onde o Bic tirou o exemplo da estupidificação, dizem que a Vodafone ainda escreve em língua de gente... Às tantas ainda não deram conta...

Esperemos que não seja por distracção!

De Bic Laranja a 20 de Setembro de 2013
Só pode ser avareza ou desprezo. Distraídos não hão-de andar.
Cumpts.
De JPG a 23 de Setembro de 2013
Para o caso de ainda não terdes visto, cá vai link para (mais) esta pérola: «Brasil exige 'escrita portuguesa na vertente brasileira' em concurso para centro cultural em Maputo»

http://sol.sapo.pt/inicio/Internacional/Interior.aspx?content_id=86170

Comentar