Segunda-feira, 28 de Outubro de 2013

Policromia em preto e branco

 Os baixos relevos do ceramista Jorge Barradas na fonte monumental da Alameda começaram por ser coloridos (a estatuária medieval também o era). São alegorias ao trabalho; nelas achamos representadas as artes da lavoura, da pastorícia, da pesca, e trabalhos tradicionais das mulheres e dos homens.
 Não conheço fotografias a côres destes baixos relevos, de quando ainda exibiam a policromia original. E cuido que poucos daquele tempo se recordam de os ver assim -- a minha mãe era desse tempo e não me recordo de me falar neles. — Só destas fotografias tive a noção de os relevos terem tido côr. Descorados passam mais desapercebidos e, com ele, também a tradicional divisão dos trabalhos; muitos já nem fazem ideia do que isso era e um punhado doutros, hoje, não deixará sequer que tal se sonhe senão para publicitar as trevas do passado. Disto ocorre-me que a policromia original daqueles baixos relevos diminuída hoje no monolítico cinzento das pedras é por si uma outra alegoria, moderníssima: a dos defensores acérrimos da neo-ortodoxia a que chamam polìticamente correcto.

Baixos relevos, Alameda (H. Novais, c. 1948)

Baixos relevos, Alameda (H. Novais, c. 1948)

Fonte Monumental, Alameda (H. Novais, c. 1948)


Fotografias: Fonte Monumental, Alameda de Dom Afonso Henriques, c.1948.
Estúdio de Horácio de Novaes, in Bibliotheca de Arte da F.C.G.

(Revisto aos vinte para as oito da noite.)

Escrito com Bic Laranja às 17:12
Verbete | comentar
11 comentários:
De Ceguinho a 28 de Outubro de 2013 às 19:14
Lindíssimos. Onde estão nos dias de hoje?
De Bic Laranja a 28 de Outubro de 2013 às 19:45
Estão lá.
Cumpts.
De a idade das trevas a 28 de Outubro de 2013 às 23:09
Coloridos? Ora essa ! Como se fosse possível haver cor no cinzentismo da "longa noite".Não havia,mesmo na escola não usávamos os lápis Viarco que foram uma invenção da "madrugada libertadora".E cor na Idade Média? Nem pense! Foi uma "idade das trevas".Catedrais,gótico flamejante,vitrais,iluminuras,tudo produto da Revolução Francesa,antes é impossível.O mesmo diríamos do período trovadoresco,das Cantigas de Amor e de Amigo,da poesia dos Goliardos,tudo isto é já do Renascimento,se não é passa a ser.Tem que ser.
De Bic Laranja a 29 de Outubro de 2013 às 00:38
Ámen.
Cumpts.
De tron a 29 de Outubro de 2013 às 22:07
acho que existe uma parte do Photoshop que pega em escalas de cinzentos e transforma em cores, acho que numa loja de computadores lhe sabem informar se é possível colorir via informática estas mesmas fotos
De Bic Laranja a 31 de Outubro de 2013 às 14:51
Duvido do rigor dessa magia. Basta o fotógrafo ter usado um filtro de côr para baralhar a escala de cinzentos. Nestas o céu aparece em cinz muitto escuro, que pode indiciar filtro laranja ou encarnado.
Mas é uma ideia, obrigado!
Cumpts.
De jo a 1 de Novembro de 2013 às 00:16
Esta bendita fonte passa a vida sem água.

Parece que em 48 também andava seca.

Enfim megalomanoas de Estado Novo com ranço.
De Bic Laranja a 2 de Novembro de 2013 às 20:11
A secura da fonte em 48, antes de a inaugurarem, dá agora nos cérebros. Uma aridez mental que provoca as miragens do ranço.
Cumpts.
De [s.n.] a 4 de Novembro de 2013 às 00:55
Ahahahahahaha!
Maria
De Inspector Jaap a 3 de Maio de 2015 às 13:32
Concordo a 200% com o seu último período; sorte a nossa desses desgraçados não terem sequer a capacidade intelectual para conseguirem apreender a beleza e o significado deles, pois de outro modo, quais «talibã» destruí-los-iam de imediato; pois mais alguma ideia consegue lugar ao sol naquelas almejantes mentes que a destruição pura e simples de tudo aquilo que ostente alguma beleza, erudição ou significado, tudo coisas que abominam?
Cumpts
P.S. Mesmo «travestidos» de «Verdes» nem os jardins lhes escapam, como justamente realça.
De Bic Laranja a 4 de Maio de 2015 às 12:25
Sim. Pode ser que se salvem pelo pouco caso que a ignorância geral faz destas coisas.
Cumpts.

Comentar

Agosto 2019

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
13
20
23
24
25
26
27
28
29
30
31

Visitante


Contador

Selo de garantia

pesquisar

Ligações

Adamastor (O)
Apartado 53
Arquivo Digital 7cv
Bic Cristal
Blog[o] de Cheiros
Caminhos de Ferro Vale Fumaça
Carmo e a Trindade (O)
Chove
Cidade Surpreendente (A)
Corta-Fitas(pub)
Delito de Opinião
Dragoscópio
Eléctricos
Espectador Portuguez (O)
Estado Sentido
Eternas Saudades do Futuro
Fadocravo
Firefox contra o Acordo Ortográfico
H Gasolim Ultramarino
Ilustração Portuguesa
Lisboa
Lisboa de Antigamente
Lisboa Desaparecida
Menina Marota
Mercado de Bem-Fica
Meu Bazar de Ideias
Paixão por Lisboa
Pena e Espada(pub)
Perspectivas(pub)
Pombalinho
Porta da Loja
Porto e não só (Do)
Portugal em Postais Antigos(pub)
Retalhos de Bem-Fica
Restos de Colecção
Rio das Maçãs(pub)
Ruas de Lisboa com Alguma História
Ruinarte(pub)
Santa Nostalgia
Terra das Vacas (Na)
Ultramar

arquivo

Agosto 2019

Julho 2019

Junho 2019

Maio 2019

Abril 2019

Março 2019

Fevereiro 2019

Janeiro 2019

Dezembro 2018

Novembro 2018

Outubro 2018

Setembro 2018

Agosto 2018

Julho 2018

Junho 2018

Maio 2018

Abril 2018

Março 2018

Fevereiro 2018

Janeiro 2018

Dezembro 2017

Novembro 2017

Outubro 2017

Setembro 2017

Agosto 2017

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

Junho 2006

Maio 2006

Abril 2006

Março 2006

Fevereiro 2006

Janeiro 2006

Dezembro 2005

Novembro 2005

Outubro 2005

Setembro 2005

Agosto 2005

Julho 2005

Junho 2005

Maio 2005

Abril 2005

RSS

____