8 comentários:
De Joe Bernard a 16 de Setembro de 2014
No meu tempo era grave acentuar assim...
De Bic Laranja a 17 de Setembro de 2014
A gravidade passou. Tira-se do leviano Acordo Ortográfico.
Cumpts.
De Teresa Ramalho a 17 de Setembro de 2014
Melhor que o acento grave não seria o trema, mais universal e com equivalente valor diacrítico? Podíamos adoptá-lo e talvez os brasileiros não se importassem que continuássemos a usar as consoantes mudas. Podiam voltar à "lingüiça" (e nós ao "argüir").
De Bic Laranja a 18 de Setembro de 2014
O trema neste caso não. O trema usa-se para desfazer ditongos (ar-gu-ir) e no caso temos um ditongo átono (Gùi-a-na) e daí o acento grave; cfr. com o ditongo tónico (ar-gúis) que leva acento agudo por marcar justamente a sílaba tónica.
Não obstante este pormenor, justificava-se o uso do trema nos casos em que o Brasil o tem usado e mais, p. ex. em casos com paisagem (pa-i-sa-gem) que, de não se lhe marcar a separação das duas sílabas (pa-i-...), se ouve a todos como um ditongo (pai-). Como ela saüdade (que tende para sodade), reünião (a tender para runião), &c.
Cumpts.
De mujahedin a 18 de Setembro de 2014
Para além do Bic, tenho de agradecer ao Sr. António Fernandes por lhe ter oferecido o rico presente, pois também eu dele beneficiei hoje, aprendendo - que é o maior dos benefícios.

De Bic Laranja a 18 de Setembro de 2014
:) Cumpts.
De tron a 21 de Setembro de 2014
Para distinguir os uu mudos como em "queijo" dos que se pronunciam como em "cinquenta" os brasileiros usavam o trema nos uu que pronunciam com dois objectivos: um era evitar vogais repetidas, o outro era para que aqueles fossem ignorantes ou não tivessem vontade de aprender soubessem de alguma forma diferenciar o uso do u, mas acontece que por causa do Aborto Ortográfico, tiraram o trema dos uu que eram pronunciados, e esta retirada foi ou no mandato da actual presidente ou nos tempos do presidente Lula
De Bic Laranja a 24 de Setembro de 2014
E foi práticamente a única coisa que os brasileiros cederam com o aborto gráfico. Do lado de cá foi a abdicação total.
Cumpts.

Comentar