14 comentários:
De Mandarinia a 1 de Maio de 2018
Muito bom. Os "encontrões" entre a CGTP e o B.E. não passaram por aí.
De Bic Laranja a 28 de Maio de 2018
Esses esquerdoides todos gostam é da Alameda. Para sublimar a obra que não fizeram nem seriam capazes de fazer — uma área daquele tamanho sem loteamento de habitação social lá no meio. E ao depois, da Alameda para cima já seria fazer banzé demais perto da casa dalguns deles...
Cumpts.
De McMangus a 2 de Maio de 2018
Diagnóstico: acumulador obsessivo-compulsivo, obeso e com narcolepsia.

Prognóstico: Deputado!
De McMangus a 2 de Maio de 2018
Identificação: Pacheco Pereira.
De Bic Laranja a 28 de Maio de 2018
Ahahahaha!
De Bic Laranja a 28 de Maio de 2018
Certeiro. Com tirocínio logo desde a associação de estudantes e em estreita parceria com as jotas partidárias. Das docas a São Bento é um passinho.
Cumpts.
De gato a 5 de Maio de 2018
Para mim, o que ressalta, o engraçado, é o post ter sido publicado no Dia-do-Mandrião.
De Bic Laranja a 28 de Maio de 2018
Perspicaz.
Cumpts.
De Caravelle a 11 de Maio de 2018
E a caixa de cartão a dizer "Salazarismo - 10 livros"?
De Valdemar Silva a 11 de Maio de 2018
Interessante.
O salazarismo arrumado numa caixa de cartão. Vá lá.
Tamém não se esperava outra coisa, de por cá tão sugadinhos, muitos filhinhos descalcinhos, ranhosinhos e remendadinhos e com muita fezinha por nos ter livrado da guerrinha (não fosse o diabo tesselas). Mas da outra não: para Angola já e em força. E por lá morreram cerca de oito mil portugueses. É um facto que a N.Sra. não ajudou e não se sabe a preferência da N. Sra. pela fim da guerra 1914-1918 em detrimento por outra guerra e não se manifestar (...ou se calhar foi censurada...não acredito que a metessem em Caxias)com um simples aviso: rezem o terço para acabar com a guerra na Guiné, Angola ou Moçambique.
Vá lá, numa caixa de cartão.
Valdemar Silva
De Bic Laranja a 28 de Maio de 2018
Tanto disparate V. «tesse».
Ou será tosse?...
Credo!
De Valdemar Silva a 29 de Maio de 2018
Qual tosse, qual quê.
O trocadilho do tece-la por tessela foi para ironizar
com o ditado popular dando-lhe o significado ao contrário: um caminho sem obstáculos.

Valdemar Silva

De Bic Laranja a 29 de Maio de 2018
Adeus!
De Valdemar Silva a 13 de Maio de 2018
Pelo visto, ou não visto, o diabo não se saiu lá muito bem com os dados, melhor fora ter utilizado búzios.
Valdemar Silva

Comentar