9 comentários:
De [s.n.] a 21 de Dezembro de 2016
Oljhe, fui rever pela terceira ou quarta vez, este vídeo que colocou do Prof. Hermano Saraiva. Uma maravilha. De aminho fui ver uns pouco: Maria da Fé, Vila de Famalicão, Vila do Bombarral e não fico por aqui... Adoro todos os programas que o Professor produziu e apresentou. Adorei na altura que passaram, nunca os perdia, e agora volto a revê-los e a adorá-los. Com a categoria, saber, comunicação superior e facilidade de expressão do Dr. H. Saraiva é que devia aparecer outra gente a apresentar mais programas com a mesma qualidade abordando sobretudo, mas não só, a História de Portugal.
Maria

De [s.n.] a 22 de Dezembro de 2016
Maria da Fonte, claro. Distracção crónica mas também a mania de por vezes não reler o comentário antes de o enviar, cometendo algum erro por um lapso de memória:)
Maria
De Bic Laranja a 22 de Dezembro de 2016
:)
É nesse episódio da Maria da Fonte — da Póvoa de Lanhoso — que o prof. H. Saraiva conta que um abade de Bouro andava a «confessar» a mulher do alcaide, que andava na guerra.
Andava a «confessá-la» havia 17 dias.
O prof. H. saraiva tinha sentido de humor.

CFeliz Natal
De [s.n.] a 22 de Dezembro de 2016
Eu vi, eu vi! Ou melhor, eu li. Pois tinha, oh se tinha.
Maria

Comentar