4 comentários:
De José Lima a 24 de Novembro de 2017
No limite, se tal médico fosse mesmo realmente imprescindível, não podia até um vôo militar tê-lo ido buscar à Madeira? Bem sei que os costumes da época não eram propícios a este tipo "abusos"... Ainda assim, cheira-me a história rebuscada, muito forçada, no mínimo...
De Bic Laranja a 25 de Novembro de 2017
É história rebuscada, decerto. Sinal dos tempos, em que, voos militares tomam como prioridade matrecos duma central cervejeira.
Cumpts.
De Joe Bernard a 24 de Novembro de 2017
Bic Laranja escreveu:
O ditador tão ditador era que deixava à solta comunistas e maçons para lhe minarem livremente o governo. Tanto foi que minaram. E deve ser disto que o odeiam. Mal agradecidos!
E eu assino por baixo!
De Bic Laranja a 25 de Novembro de 2017
É, não é?...
Obrigado!

Comentar