2 comentários:
De Carlos Conde a 10 de Maio de 2016
Preferia que tivesse designado o artista como farsante.

Chamar-lhe farsola é ser benévolo com tamanha nulidade.

No entanto está dentro dos parâmetros da moda:

EUA com presidente preto
Portugal com presidente indiano
Londres com presidente muçulmano
Lisboa com presidente do Porto


De Bic Laranja a 10 de Maio de 2016
Vamos que farsolas seja diminutivo de desprezo. Foi mais por aí. Quadra-se à mesma nos parâmetros, mas com maior inteireza.
Aí de nós!
Cumpts.

Comentar