16 comentários:
De zazie a 2 de Março de 2017
Sabe porque é que eu digo que não estava assim tão desfasada?

Porque ainda me lembro do homem do burro que vinha pela antiga Estrada de Sacavem e "estacionava" no bairro novo, para fornecer o lugar de hortaliça

ahahaha

E da leiteira que ia buscar o leite a uma dessas antigas quintas e fazia a mesma distribuição na zona, bem urbanizada e particularmente moderna
De Bic Laranja a 2 de Março de 2017
Esses já não vinham no meu turno.
Cumpts.
De zazie a 2 de Março de 2017
Pois.

Eu conheço desde a inauguração da dita e fui para a casa que pertenceu ao próprio construtor. Só o quintal era um quarteirão.

E com jardinzinhos também à frente.
Espatifaram isso tudo para agora meterem lá os carros em cima do passeio.
Mas há muito que aí não vivo, apesar de ainda haver casa da família.
As pracetas eram deliciosas
De zazie a 2 de Março de 2017
O construtor parece que era tramado, em matéria de disciplina de obras.

De tal modo, que ainda há uns tempos, havia taxistas que conheciam o bairro pelo nome mais característico- Bairro do Tarrafal

ehehe

Comentar