14 comentários:
De Seve a 16 de Agosto de 2016
É um fato! quere-se dezer: o staff assim o determinou, prontos!

Então e agora não é que os mabecos deram a "falar" de cenas na 3ª. pessoa...basta ver a SportTv...bué de giro!!! é coméu digo... ou então se quer aprender quelque chose veja-se, em horário nobre, na RTP1 um (só um?) imbecil no BIG PICTURE...bueda lôco...
De Bic Laranja a 16 de Agosto de 2016
É.
De Costa a 16 de Agosto de 2016
É assim, de facto. É o que aprendo do pouco (por elementar imperativo de higiene), muito pouco que vejo e ouço das "televisões" nacionais.

Disso e da simples e inevitável desgraça de sair à rua e viver entre um povo - e dele fazer parte - que toma como motivo de orgulho isso de se chamar de "tuga". Um povo estúpido e que não tem dinheiro para fazer cantar um cego (suponho que poucas coisas, por estes dias, serão mais politicamente incorrectas de dizer), mas que - e abraçando muito naturalmente a vergonha do AO90, a título de modernidade (um fim em si mesmo, parece) - usa presunçosa e majestaticamente esse plural. A propósito de um golo, de um décimo de segundo ou de um centímetro.

O que é de facto, a acreditar na liturgia oficial, tudo o que interessa para o futuro desta desgraçada nação e falido estado.

Quanto ao mais, cheias de defeitos que estejam, mil vezes as televisões "amaricanas", "bifas", francesas ou castelhanas. Envergonham bem menos...

Costa
De [s.n.] a 17 de Agosto de 2016
Repare nisto:
TVI 2/8 às 00.29 a locutora Conceiçãso Queiróz disse o seguinte: "estão (o "a" engolido)... perder o controlo..."; às 00.43 disse "o euromilhões passa (?)... custar (o "a" antes de "custar" novamente engolido)"; "foram (?)provadas (o "a" inicial do verbo "aprovar", engolido) pelo ministro";
às 00.46 "cadeirinhas par? (?)crianças (o "a" final de "para" e o artigo definido feminino plural "as" engolidos); na mesma altura pronunciou o vocábulo "al(é)rtando" abrindo a segunda sílaba como se esta fosse aberta ou acentuada tònicamente e não é nem uma coisa nem outra, mas este tropeção ainda vá que não vá, muita douta gente o faz...

No dia seguite ela anunciava: "... para (?)manhã" (o primeiro "a" de "amanhã" ela nunca pronuncia nem nesta altura nem noutras); pelas 18.15 deste dia, referindo-se à moeda europeia, ela abriu fonèticamente o "e" inicial pronunciando ÉROS quando o "e" do vocábulo não é aberto nem é acentuado tònicamente e já agora é bom lembrar-lhe que a palavra tem um "u" a seguir ao "e" e que portanto lê-se EUROS e não ÉROS... ; no mesmo noticiário cometeu o mesmo erro fonético na frase "bólsa de valores" abrindo tònicamente a primeira sílaba da palavra "bolsa" quando ela saberá que se lê 'bôlsa' com o "o" fechado como se este levasse acento circunflexo.

Nada tenho contra a rapariga, até acho que tem bom aspecto (menos o cabelo encarapinhado, que insiste e que lhe fica pèssimamente produzindo uma imagem deselegante num meio audio-visual que requer um mínimo de compostura e discrição na apresentação geral ou seja, guarda-roupa decente e nunca como se fosse para a discoteca ou como se estivesse com roupa interior; maquilhagem quase imperceptível; penteado sóbrio e elegante) e parece ser boa profissional, mas deve corrigir a sua maneira de falar e de se pentear. Já disse e repito, ela é uma jornalista e ainda pra mais de telejornais!, não é uma actriz de telenovelas ou modelo ou outra coisa qualquer.

Caramba!, ela que se lembre que fala para milhões de portugueses e que muitos destes, cá e no estrangeiro, aprendem a falar correctamente o português através designadamente dos telejornais e de programas de Rádio. Justamente por isso o cuidado no falar para o público deve ser redobrado.

Devo dizer em abono da verdade que raramente detecto erros fonéticos ou semasiológicos nas muitas colegas que fazem sobretudo reportagens do exterior e elas são inúmeras e isto é de realçar. Noto isto porque passo os olhos pelos vários canais só para ver as notícias e presto atenção ao que todas elas e eles dizem durante os ditos. Isto porque prezo a nossa língua acima de tudo e não consigo admitir que quem tem responsabilidades neste particular a menospreze ou não a cuide como ela obrigatòriamente merece.
Maria

De [s.n.] a 17 de Agosto de 2016
Mas acha que esta gente sabe se deve (ou não) abrir a segunda sílaba como se esta fosse aberta ou acentuada tonicamente, mas o que é isso; ó caríssima, agora quando não se sabe vai-se ver à Internet...então não ouve aqueles robots que à mesa do café, numa pausa do telemóvel, dizer tenho que ir ver à Internet...digo uma pausa, porque à mesa dos cafés só vejo mudos, robots, tristes que não vêem, não olham, não sentem, não sabem, não cheiram é gente robótica em tudo (ate no pensamento)!
De [s.n.] a 17 de Agosto de 2016
Seve
De Bic Laranja a 26 de Agosto de 2016
Encarnação do Fado Xunguila de Moçambique. Agora cá, que o fado da cá, lá, era colonialismo.
Cumpts.
De Seve a 17 de Agosto de 2016
O grego Samaris que joga futebol no Benfica (e que não está em Portugal há mais de dois/três anos) fala melhor português do que muitíssima gente das nossas televisões, então comparando com essa horrível carapinha nem se fala...
De Bic Laranja a 26 de Agosto de 2016
Às vezes oiço o Jorge Zus e, da bola, chega.
Cumpts. :)
De [s.n.] a 17 de Agosto de 2016
É bom viver em democracia.
Pode dizer-se tudo o que vem à cabeça, ofender, humilhar, especular, mentir e, até denunciar sob anonimato. Vale tudo em democracia.
É fácil, barato e não dá problemas.
Ter direito a opinar é bom, mas frente a frente.
Pena não haver net antes do 25...
PS.
Essa do Samaris (O Grego) é obra! Não fosse ele do Benfica...
Zé das Caldas.


De tron a 20 de Agosto de 2016
curioso, o grupo de que faz parte uma das juradas do The Voice Portugal chama-se Amor EleCtro e o C é lido quando se ouve o nome do mesmo grupo numa qualquer rádio.
Quem fez o programa do festival deve ser um purista do dialecto brasileiro
De Bic Laranja a 21 de Agosto de 2016
Pois deve. Mas com ou sem 'C' audível só vale electro.
Cumpts.
De Inspector Jaap a 23 de Agosto de 2016
Essa alimária deve ter sido despedida da General Electric, donde, "a vingança serve-se fria".
Cumprimentos.
De Bic Laranja a 26 de Agosto de 2016
Sabe que a G.E. fabrica silicone... Daí o cérebro destas bestas.
Cumpts.

Comentar