Segunda-feira, 17 de Fevereiro de 2020

Lisboa a cores antes do Metropolitano

Estação do Rossio, Lisboa (Portimagem, s.d.)
Praça D. João da Câmara, Lisboa, 195…
Portimagem, in Flickr.

Escrito com Bic Laranja às 20:35
Verbete | comentar
13 comentários:
De [s.n.] a 19 de Fevereiro de 2020
Antes foi o Largo de Camões, agora também lhe chamam Largo em vez de Praça.
Por mais passadeiras que fizessem, sempre foi local de atropelamentos a apressados para a Estação.
Não fora o amarelo da carris seria o cinzento a cor predominante.

De Bic Laranja a 23 de Fevereiro de 2020
Também lhe chamava largo, até reparar na placa toponímica.
O cinzento, se bem lho percebo, guarde-o bem. Há muitos amigos de Peniche a quererem-no todo para eles.
Cumpts.
De [s.n.] a 24 de Fevereiro de 2020
Nunca que soube ao certo, que 'porco' queriam os amigos de Peniche em troca da oferta do 'chouriço'.
De Bic Laranja a 24 de Fevereiro de 2020
Que pergunta! O poder.
De [s.n.] a 24 de Fevereiro de 2020
Percebo a admiração.
Mas, parece que o 'porco' era todo Brasil.

De Bic Laranja a 24 de Fevereiro de 2020
Ah, recua aos autênticos!
Não. O Brasil ainda não rendia grande coisa. Eram ainda os fumos da Índia.
De [s.n.] a 25 de Fevereiro de 2020
Referia-me a amigos de Peniche, aos ingleses lá aquartelados que ajudaram (o chouriço) contra os franceses e queriam todo Brasil (o porco) por isso.
Ficaram com tráfego marítimo e mais tarde, por muitos anos, com a concessão/donos da CP, dos TLP e da Carris.
Em 195... era içada, nos feriados, a bandeira da G.B. no Elevador de Santa Justa, no edifício da CP na Calç. do Duque e na Estação do Rossio.
De Bic Laranja a 25 de Fevereiro de 2020
Os amigos de Peniche, a origem da expressão, consta quer remonta ao desembarque de D. António, Prior do Crato, com tropa inglesa (hereges antipapistas) em 1589, para reconsquistar Portugal aos castelhanos. Nessa investida montou cerco a Lisboa mas não teve êxito. D. António esperava, ao desembarcar em Portugal, que se o povo levantasse em armas a apoiá-lo, como o apoiara em 1580. Como a tropa que trazia era de ingleses (hereges), o bom português, como católico romano que era não quis nada com hereges, e não no apoiou. Nem deixou de apoiar. Demitiu-se.
D. António pôs cerco a Lisboa, mas retirou sem glória.
A expressão «amigos de Peniche» representa isso. Amigos que parece que ajudam, mas não ajudam nem desajudam. Só comprometem. Não eram inimigos porque vinham contra o castelhano usurpador e com isso pareciam amigos. Mas eram antipapa, uma heresia desgraçada.
Nessa aliança com a Isabel I de Inglaterra, D. António, parece ter empenhado o Brasil, não sei. Daqui o que disse. Sucede que os ingleses em 1589 não sabiam navegar para o Brasil. Os franceses sim. De modo que o trato pouco deitaria a perder ao D. António.
A expressão dos amigos de Peniche aplicada aos ingleses de 1808, não sei… Talvez por reedição e fraca memória. Mas tuo isto pode não passar de mito.
Do resto, e do içar do Union Jack em empresas concessionárias britãnicas em dias feriados, é novidade que me dá. Mas a C.C.F.L., como a Anglo Portuguese Telephone Company eram de capital britânico concessionárias de negócios de grande e necessário investimento (especialmente os telefones) de que Portugal não tinha meios nem conhecimento para lançar. Um compromisso de investimento e desenvolvimento necessário e justificado ao bom governo de quem não sabe e precisa.
Pior é dar negócios destes a estangeiros quando se sabe e se tem meios próprios de fazer, o que não foi o caso dos caminhos de ferro no tempo de Fontes, dos telefones nos anos 10, 20, 30, ou dos autocarros e eléctricos de 1900 a 1950.
É a ideia que tenho.
Cumpts.
De [s.n.] a 25 de Fevereiro de 2020
A versão dos 'amigos de Peniche' no tempo de D. António é a mais conhecida.
Lembro-me de ter ouvido falar, não me recordo a quem, na do tempo das invasões francesas. Parece que não se concretizou, ou por a Corte estar no Rio de Janeiro ou por Napoleão não se interessar com a conquista e divisão de Portugal. Até se dizia que Napoleão não veio a Portugal por não haver um bom palácio para se instalar.
Ainda nos anos 60, não posso precisar, via-se muitas vezes a Union Jack içada no elevador de Santa Justa.
De Bic Laranja a 25 de Fevereiro de 2020
Portugal está num cotovelo do mundo. Essa malta da Europa julga que isto é África. Napoleão quis a Rússia. Todos os alucinados querem a Rússia. O Hitler foi a mesma coisa.
O Brasil não estava nos Planos do Napoleão. Com não esteve a Louisiana, que vendeu, ou o Haiti, que descartou. Napoleão nem pensou vir a Portugal porque o seu mundo era para o lado de lá. Mesmo a Espanha não passou dum subúrbio com quem se dispôs a partilhar este cotovelo aqui.
Os ingleses são mais finos. Da posição portuguesa colhem desde o séc. XIV uma belíssima testa de ponte para uma geo-estratégia proveitosa que lhes poupa grande empenho de recursos. Alguém o soubesse entender.
Cumpts.
De Bic Laranja a 24 de Fevereiro de 2020
Ou melhor. Sim. Meteu-se esse naco no negócio. Cedeu decerto o D. António, por considerá-lo pedaço dispensável. Ao contrário da Índia.
Não sei se ensiná-los a navegar até lá sem se perderem na volta fazia parte do trato. — Assim a modos de formação incluída, como nas grandes aplicações informáticas que se agora vendem. — Em 1590 ainda o regime de ventos no Atlântico Sul era um mistério para esses anglicanos.

Comentar

Setembro 2020

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
12
13
17
19
21
23
24
25
26
27
28
29
30

Visitante


Contador

Selo de garantia

pesquisar

Ligações

Adamastor (O)
Apartado 53
Arquivo Digital 7cv
Bic Cristal
Blog[o] de Cheiros
Carmo e a Trindade (O)
Chove
Cidade Surpreendente (A)
Corta-Fitas(pub)
Delito de Opinião
Dragoscópio
Eléctricos
Espectador Portuguez (O)
Estado Sentido
Eternas Saudades do Futuro
Fadocravo
Firefox contra o Acordo Ortográfico
H Gasolim Ultramarino
Ilustração Portuguesa
Lisboa
Lisboa de Antigamente
Lisboa Desaparecida
Menina Marota
Mercado de Bem-Fica
Meu Bazar de Ideias
Paixão por Lisboa
Pena e Espada(pub)
Perspectivas(pub)
Pombalinho
Porta da Loja
Porto e não só (Do)
Portugal em Postais Antigos(pub)
Retalhos de Bem-Fica
Restos de Colecção
Rio das Maçãs(pub)
Ruas de Lisboa com Alguma História
Ruinarte(pub)
Santa Nostalgia
Terra das Vacas (Na)
Tradicionalista (O)
Ultramar

arquivo

Setembro 2020

Agosto 2020

Julho 2020

Junho 2020

Maio 2020

Abril 2020

Março 2020

Fevereiro 2020

Janeiro 2020

Dezembro 2019

Novembro 2019

Outubro 2019

Setembro 2019

Agosto 2019

Julho 2019

Junho 2019

Maio 2019

Abril 2019

Março 2019

Fevereiro 2019

Janeiro 2019

Dezembro 2018

Novembro 2018

Outubro 2018

Setembro 2018

Agosto 2018

Julho 2018

Junho 2018

Maio 2018

Abril 2018

Março 2018

Fevereiro 2018

Janeiro 2018

Dezembro 2017

Novembro 2017

Outubro 2017

Setembro 2017

Agosto 2017

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

Junho 2006

Maio 2006

Abril 2006

Março 2006

Fevereiro 2006

Janeiro 2006

Dezembro 2005

Novembro 2005

Outubro 2005

Setembro 2005

Agosto 2005

Julho 2005

Junho 2005

Maio 2005

Abril 2005

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

____