4 comentários:
De Joe Bernard a 29 de Outubro de 2018 às 18:46
Como eu gostava de as ver de velas desfraldadas rio acima, rio abaixo, carregadas com água pelo bordo, velas enfunadas pelo vento Norte...
Saudades desses tempos...
De Bic Laranja a 10 de Novembro de 2018 às 15:43
Sim. Tempos que deixam saudade.
Abraço!
De gato a 2 de Novembro de 2018 às 12:01
Minha avó paterna contava que, em nova (início do século XX), família e amigos iam num destes barcos desde Alcântara (Conde de Óbidos? onde seu Pai trabalhava) até ao Santuário da Atalaia, para lá do Montijo. Passar o dia. Mais a ida e a volta no Tejo.
Sim, na quinta que é agora do PCP.
Cump
De Bic Laranja a 10 de Novembro de 2018 às 15:44
Gratas memórias.
Cumpts.

Comentar