6 comentários:
De Figueiredo a 16 de Abril de 2023
Existe desde o golpe de Estado da OTAN em 25 de Abril de 1974, uma tentativa desesperada por parte dos liberais/maçonaria (PCP, PS, PSD, CDS, BE, L, CH, IL, PAN, ADN) em importar e instalar na Sociedade Portuguesa uma característica e um comportamento que não faz parte da primeira, nem da nossa História, e muito menos da nossa Raça e essência como Povo.

Este pedaço de jornal que aqui publica é uma preciosidade, que desmente e desarma por completo o discurso pró-racismo e de ódio que os Anglo-Sionistas difundem e promovem através da comunicação social Portuguesa, «Internet», e os seus porta-vozes, com o objectivo de instigar o confronto racial no nosso País.

Efectivamente, o Estado Novo sabia como lidar com esta gente e tipo de situações.
De Bic Laranja a 16 de Abril de 2023
Sim. A dissolução de Portugal (das suas ruínas) vai em boa marcha. Comandado de fora e por multiplas mãos.
Ainda guardamos cá o ouro da pesada herança do fâchismo?
É que são tantos ainda gadanhar nos escombros desta miséria que até parece que há um tesouro por desenterrar.

A propaganda do racismo é um dos meios agora, a par da transumância, para dissolver os indígenas da Europa. É curioso como não há transumância de África nem das Américas para a Ásia. O Japão ou a Coreia do Sul são tão tão ricos como a Europa ou a América… E a transumância da Ásia para África negra só se viu enquanto houve brancos a administrá-la. Do Ultramar houve mais retornados índios do que negros africanos, parece-me. Mas nisso não houve racismo; talvez discriminação positiva, como em S. Tomé ou Cabo Verde…

Cumpts.
De [s.n.] a 16 de Abril de 2023
"Existe desde o golpe de Estado da O.T.A.N. em 25 de Abril de 1974..."
Tem-se dito muita coisa sobre a organização da revolta dos militares no dia 25 de Abril de 1974, principalmente por não ter havia mortes e feridos. Desde a mais conhecida 'estava tudo combinado nem levavam balas' até, agora, esta de 'golpe de Estado da OTAN', é posta a circular "a desculpa" para limpar os oficiais militares e até o governo por terem sido uns bananas. E até aparece uma versão das desculpas, que contraria a da OTAN, como 'o problema foram as células do PCP'.
Arranjemos as desculpas que quisermos, é só ter imaginação e já passaram 50 anos e poucos vivos cá estarão para testemunhar. Em todo o caso terá de haver uma grande reforma em tudo que esteja escrito sobre o acontecimento, no estrangeiro é lá com eles.
Cumpts
De Figueiredo a 17 de Abril de 2023
O golpe de Estado de 25 de Abril de 1974 foi levado a cabo pela OTAN através dos militares Portugueses vassalos dessa organização, e com isto não se está a desculpar ou amnistiar os mesmos, porque não há desculpa possível nem do ponto de vista moral ou jurídico, para o crime de traição à Pátria, e derrube de um regime político e Constituição, devidamente consagrado, e sufragada pelos Portugueses.

Em Portugal não se derruba regimes com Oficiais da Classe de Capitão ou sub-alternos, os chamados «Capitães de Abril» não tiveram resistência e o golpe não foi neutralizado pelas Altas Patentes das Forças Armadas e a Legião Portuguesa (LP), porque esses militares vassalos tinham a protecção da OTAN que se encontrava ao largo da costa Portuguesa, e os agentes dos Serviços de Informação do regime da Inglaterra e da Agência Central de Inteligência («CIA» em Inglês) encontravam-se no terreno prontos a actuar.

Com isto evitou-se o pior, todos sabem como são as mudanças de regime efectuadas pelo regime Inglês e os Estados Unidos da América do Norte (EUA) através da OTAN - com o pretexto de espalhar democracia - e no final, temos sangue, morte, violência, destruição, e genocídio.

É curioso falar-se no Partido Comunista Português (PCP), no entanto, ninguém diz quem é que controlava e controla os partidos/movimentos políticos de centro-esquerda, esquerda, e extrema-esquerda, na Europa.

Quando você afirma «...esta de 'golpe de Estado da OTAN', é posta a circular...» é mentira, não é de agora, já na época apontou-se esse facto e os mais esclarecidos sabiam o que se passava.

Tudo o resto que se possa dizer, desde os «Capitães de Abril», ou o governo e os seus elementos, e os oficiais militares, que foram «...uns bananas...», faz parte da lenda, sendo uma tentativa para ocultar a verdade usada por muita gente, infelizmente, até por aqueles que dizem ser críticos e contra o golpe de Estado de 25 de Abril de 1974, talvez porque o regime liberal/maçónico que nessa nefasta data foi imposto a Portugal e aos Portugueses, seja benéfico para alguma gente.
De [s.n.] a 17 de Abril de 2023
O Figueiredo é que sabe, a OTAN são uns malandros.
De [s.n.] a 17 de Abril de 2023
Comentário apagado.
De Bic Laranja a 17 de Abril de 2023
Por acaso, do que vou vendo não são grande coisa de assoar.
No mais, conjecturas há muitas. A verdade é que derrubou Portugal inteiro. Nem o Portugalinho que aparentemente restou é mais que só um hábito sem substância.
Cumpts.

Comentar